Gather your party and get ready for a new, back-to-the-roots RPG adventure! Discuss your decisions with companions; fight foes in turn-based combat; explore an open world and interact with everything and everyone you see. Join up with a friend to play online in co-op and make your own adventures with the powerful RPG toolkit.
Análises de usuários:
Últimas:
Muito positivas (22 análises) - 90% das 22 análises de usuários dos últimos 30 dias são positivas.
Todas:
Muito positivas (11,043 análises) - 91% das 11,043 análises de usuários deste jogo são positivas.
Data de lançamento: 30/jun/2014

Inicie a sessão para adicionar este item à sua lista de desejos, segui-lo ou dispensá-lo

Indisponível em Português (Brasil)
Este produto não está disponível no seu idioma. Confira a lista de idiomas oferecidos antes de comprar.

Comprar Divinity: Original Sin Enhanced Edition

Comprar Divinity: Original Sin Enhanced Edition - Collector's Edition

Includes: Two copies of Divinity: Original Sin – Enhanced Edition, Classic games Divine Divinity and Beyond Divinity, Design Documents, Art Pack and Soundtrack.

 

Análises

“Hands down the best classic-style RPG in years”
9/10 – Eurogamer

“An incredible title that provides many hours of entertainment”
9/10 – Game Informer

“Outstanding tactical combat and engaging quests make Divinity: Original Sin one of the most rewarding RPGs in years.”
9/10 – IGN

Sobre este jogo



Gather your party and get ready for a new, back-to-the-roots RPG adventure! Discuss your decisions with companions; fight foes in turn-based combat; explore an open world and interact with everything and everyone you see. Join up with a friend to play online in co-op and make your own adventures with the powerful RPG toolkit.

In Divinity: Original Sin you take on the role of a young Source Hunter: your job is to rid the world of those who use the foulest of magics. When you embark on what should have been a routine murder investigation, you suddenly find yourself in the middle of a plot that will rattle the very fabric of time.

Divinity: Original Sin is a game that gives you a lot of freedom and plenty of gameplay mechanics to use or abuse. The game's epic story may drive you toward your ultimate end-goal, but how you get there is entirely up to you.

Or up to you and a friend, because Divinity: Original Sin can be played completely cooperatively, and features both online and local drop-in/drop-out multiplayer. Great adventures become even greater when shared with a trusted comrade-in-arms!

Key Features

  • Become part of a reactive, living and vast open world. Explore many different environments, fight all kinds of fantastical creatures and discover tons of desirable items.
  • Experience gripping party- and turn-based combat. Manipulate the environment and use skill & spell combos to overcome your many foes: Use magic to make it rain on your enemies, then cast a lightning spell to fry them to a crisp. Experiment with different skill combinations to ruin the day for enemies and townspeople alike.
  • Play with a friend in co-op multiplayer. Make decisions together (or disagree entirely), as your interactions and relationship with your partner influence the game.
  • Unravel a deep and epic story, set in the early days of the Divinity universe. No prior experience with other Divinity games is necessary, however. The game takes place well before its predecessors, Divine Divinity and Divinity II: The Dragon Knight Saga, but will still feel familiar to fans.
  • Classless character creation lets you design the character of your choice. Endless item interaction and combinations take exploration and experimentation to another level of freedom.
  • Create your own adventures and share them online. With Original Sin comes the powerful toolset used by the game's designers. Yours are endless new stories to make and share with other players!

Digital Collector's Edition

The Digital Collector's Edition contains:


  • 2 copies of Divinity: Original Sin: one for you and pass on the second key to a friend
  • Award-winning Divine Divinity and Beyond Divinity
  • The Golden Grail DLC: an in-game item that allows you to colour your items in gold and sell them for more.
  • Zandalor's Trunks DLC: enjoy a unique in-game undergarment as rare as it is opinionated.
  • Design Documents
  • Art Pack
  • Soundtrack

Requisitos de sistema

Windows
Mac OS X
    Mínimos:
    • SO: Windows XP SP3 or higher
    • Processador: Intel Core2 Duo E6600 or equivalent
    • Memória: 2048 MB de RAM
    • Placa de vídeo: HD Intel Graphics 4000 or NVIDIA® GeForce® 8800 GT (512 MB) or ATI™ Radeon™ HD 4850 or equivalent
    • DirectX: Versão 9.0c
    • Armazenamento: 10 GB de espaço disponível
    • Placa de som: DirectX9c compliant
    Recomendados:
    • SO: Windows 7 SP1 or Windows 8.1
    • Processador: Intel i5 2400 or higher
    • Memória: 4096 MB de RAM
    • Placa de vídeo: NVIDIA® GeForce® GTX 550 ti 1GB ram or or ATI™ Radeon™ HD 6XXX or higher
    • DirectX: Versão 9.0c
    • Armazenamento: 10 GB de espaço disponível
    • Placa de som: DirectX9c compliant
    Mínimos:
    • SO: OS X 10.8.5
    • Processador: Intel Core 2 Duo
    • Memória: 4 GB de RAM
    • Placa de vídeo: Intel HD Graphics 3000/4000
    • Armazenamento: 10 GB de espaço disponível
    • Outras observações: HD3000 & HD4000 benefit from 8Gb of memory
    Recomendados:
    • SO: OS X 10.9.3
    • Processador: Intel i5 or higher
    • Memória: 4 GB de RAM
    • Placa de vídeo: Intel Iris (Iris Pro) or ATI™ Radeon™ HD 6XXX or higher or NVidia 6xx series or higher
    • Armazenamento: 10 GB de espaço disponível
    • Outras observações: HFS+ filesystem with case-sensitivity is not yet supported
Análises de usuários
Sistema de análises de usuários atualizado! Saiba mais
Últimas:
Muito positivas (22 análises)
Todas:
Muito positivas (11,043 análises)
Últimas análises
Darx
63.5 hrs
Publicada: 14 de abril
What are you waiting for?Buy it! It's worth every penny.
[=--_M_--=]
44.2 hrs
Publicada: 31 de março
Só sei de uma coisa....quando você começa a sonhar com o que deve fazer no jogo é melhor dar uma pausa!
Sim você ficará viciado!
Muito bom!
Bekhai
104.8 hrs
Publicada: 21 de março
Uma vez eu matei um fazendeiro que maltratava seus animais, após libertar-los eles se espalharam pelo terreno e eu os perdi de vista, fiquei preocupado pois havia monstros na região, mas fui obrigado após uma longa procura desistir de acha-los. Dezenas de horas de jogo depois, eu os encontrei numa floresta onde a passagem de humanos era quase zero, eles me disseram que finalmente tinham achado seu lugar e estavam felizes alí.


Acho que esse foi o ápice da minha vida.
youngscience
27.8 hrs
Publicada: 20 de março
if u don't like that , u don't even like RPG !!!
_cHeFe_
6.9 hrs
Publicada: 19 de fevereiro
Simplesmente irado. O jogo começa meio devagar mas vai melhorando e aí vc nao para mais de jogar. Comparo com Pillars . Diversão garantida durante dias.
Orakio "O Gagá" Rob
53.9 hrs
Publicada: 26 de janeiro
Só para quem é hardcore com RPGs. Os gráficos são ótimos, o combate é bem interessante, mas entre inventário, habilidades, alquimias e afins tem coisa pra caramba para gerenciar. A trama não é lá grandes coisas e o mundo não é tão aberto quanto parece, embora tenha localidades muito interessantes.

Longe de mim dizer que o jogo é ruim, ele é muito bom naquilo que se propõe a fazer, por isso recomendo mesmo não sendo a minha praia. Eu não tenho paciência para ficar gerenciando muita coisa nos meus RPGs, mas se você curte isso e se amarra em explorar diferentes possibilidades nos combates, o jogo vai ser uma delícia.
HaTeBrazil
5.7 hrs
Publicada: 21 de janeiro
Jogo ♥♥♥♥!
Zoddiack
12.7 hrs
Publicada: 4 de janeiro
Muito bom.
Twolittle
617.9 hrs
Publicada: 28 de dezembro de 2015
Muito bom!!! recomendo
Humild3
39.6 hrs
Publicada: 26 de dezembro de 2015
Vale cada centavo ... jogo realmente incrivel!!!
Só falou aquela liguagem BR.
Análises mais úteis  No geral
57 de 58 pessoas (98%) acharam esta análise útil
Recomendado
26.8 horas registradas
Análise de acesso antecipado
Publicada: 22 de junho de 2014
Sempre brincava com meu amigo que nos adoramos RPG, mas eu ação e ele estratégia nunca acertávamos um jogo para co-op, mas esse me conquistou. Só podia ter idioma português que seria perfeito. Mas realmente parece jogo de tabuleiro, livros e dados em um computador. Muito boa à mecânica! Recomendado.

Obs: fica melhor se tem um amigo para jogar junto!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
46 de 48 pessoas (96%) acharam esta análise útil
Recomendado
14.0 horas registradas
Publicada: 2 de julho de 2014
Pra quem gosta de RPGs como Baldur's Gate, Neverwinter Nights ou Dragon Age: Origins, Divinity: Original Sin é uma compra certa. Um jogo massivo pra você dedicar dezenas e dezenas de horas, cheio de personagens interessantes, quests, segredos pra descobrir, e um excelente sistema de combate em turnos baseado em pontos de ação.

Sem contar os detalhes, como sistema de crafting, elementos de terreno que podem ser usados contra ou a favor, múltiplas maneiras de montar seu grupo, e ainda um modo cooperativo. Não poderia recomendar mais.

https://www.youtube.com/watch?v=in5M9tb2g80
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
31 de 31 pessoas (100%) acharam esta análise útil
3 pessoas acharam esta análise engraçada
Recomendado
45.7 horas registradas
Publicada: 9 de junho de 2015
Este jogo é simplesmente fantástico! Se você não tem, e esta interessado, compra ele agora! XD

O jogo te permite fazer qualquer coisa de milhões de maneiras diferentes, e não existe realmente uma forma certa e uma errada. Você pode tentar fazer uma abordagem com um diálogo e tentar se interessar pelas pessoas e pelas missões, ou tacar um f*-se e sair matando todo mundo(ou tentar pelo menos, mas não façam isso! HUAEHUAE)!

O sistema de climas e elementos é sensacional, pra não dizer fod* pra caralh*! Tudo faz sentido, algumas questões e puzzles podem ser resolvidos só usando estes elementos. Um sistema original, pelo menos eu não me lembro de ter visto nada parecido em algum jogo do tipo... Hueheuhe

Ele tem bastante semelhança com jogos de RPG estilo D&D. Então você tem uma variedade de skill passiva bem abundante. Você pode escolher por exemplo ter skills de conversar com animais, ou ter a capacidade de carregar objetos enormes, como carregar baus de dungeons sem ter a chave só pra depois jogar em algum lugar com lava pra pegar os itens que estavam dentro dele de qualquer maneira!

O jogo tem alguns momentos de mistério que você tem que bancar o "detetive" e não sabe exatamente o que tem que fazer, então a experiência em co-op ajuda, afinal, duas cabeças pensam melhor que uma! :D

E isso tudo é ainda somente uma fatia de tudo o que o jogo é e pode te oferecer. Recomendadíssimo.

11/10
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
20 de 20 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
86.4 horas registradas
Publicada: 5 de julho de 2014
Divinity: Original Sin - Veja também a analise no youtube: http://youtu.be/xlUkfoUaJ7w
é a reincarnação de um estilo de jogo que não é visto a mais de 10 anos. Trata-se de um jogo de RPG com batalhas em turnos e com forte enfoque no RPG. A jogabilidade é parecida com a de jogos antigos como Pool of Radiance: Ruins of Myth Drannor (2001) ou Temple of Elemental Evil (2003). Provavelmente a maioria dos leitores dessa análise jamais jogaram esses títulos, seja porque são muito antigos ou porque não eram muito conhecidos na época ou ainda porque são jogos de "nicho", isto é, jogos para um público específico.

Certo! Então o que esperar de Divinity: OS? A Larian Studios, empresa que desenvolveu o jogo, tentou criar um jogo que proporcionasse ao jogador uma experiencia mais próxima possível aquela vivenciada por um verdadeiro RPG de mesa e ao fazer isso, ela definiu seu foco, seu público alvo e buscou trabalhar para agradá-lo. Em minha opinião, seu esforço teve êxito justamente por ela não tentar fazer um jogo generalista, feito para agradar todo mundo. Muitas empresas tentam fazer um jogo, digamos, de RPG, mas que seja "action", "casual", "vsão em primeira pessoa" e por ai vai. Tentando atrair o maior público possível para o jogo, mas que obviamente acaba não agradando ninguem de verdade. Foi isso que estragou a série Dragon Age, na minha opnião, essa tentativa de agradar todos os públicos ao mesmo tempo.

Então, voltando ao Divinity, vamos agora falar da característica que mais o diferencia dos jogos de RPG recentes: o seu enfoque no RPG. Vou sumarizar abaixo, de modo simplificado, o que isso significa:

1 - Significa que a forma de jogar ou a forma de "interpretar" os personagem terá um impacto significativo no jogo.
2 - Significa que você irá se deparar com muitos diálogos e muitos NPCs para interagir.
3 - Significa estória mais elaborada e personagens mais densos.
4 - Significa que esse jogo não vai pegar você pela mão e guiá-lo o tempo todo. Muita coisa você terá que descobrir sozinho. Nem todos os elementos do jogo são auto-explicativos e algumas pessoas podem achar isso um defeito, mas não é. Em um jogo típico de RPG você precisa conversar com as pessoas, ler livros, interagir com o mundo se quiser descobrir as coisas e progredir.

Eu poderia falar de todos os outros vários mecanismos do jogo, mas não quero escrever um texto muito grande. Ainda mais quando há analises mais completas na Internet. Sem falar também que esse não é objetivo dessa análise (na verdade analise não é a melhor definição, está mais para uma visão inicial mesmo). Acredito que o mais importante é dizer que todas as mecânicas fundamentais do jogo funcionam bem ou muito bem e o que talvez não tenha ficado legal são coisas menores, apenas detalhes que poderiam ser melhorados.

Conclusão

Divinity: Original Sin é um jogo OBRIGATÓRIO para fãs de RPG "old school". E é totalmente desaconselhado para jogadores sem paciência.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
23 de 26 pessoas (88%) acharam esta análise útil
Recomendado
292.4 horas registradas
Publicada: 14 de agosto de 2014
Um dos melhores jogos do gênero que já experimentei, considerando isso ao fato de ser um jogo indie, realizado com a ajuda do Kickstarter (reuniram mais de 1 milhão de dólares p/ o projeto), esse é definitivamente um game que todos os amantes de RPG deveriam ao menos testar. Se você julga suas habilidades no inglês em um nível médio para cima, duvido muito que irá questionar se o jogo é bom ou não, pois esse seria o único empecilho que faria alguém duvidar da qualidade do jogo. Tirando alguns bugs mínimos, mas a Larian Studios tem demonstrado mais ímpeto em fixá-los do que muitas empresas grandes (Bethesda e afins).

O jogo poussí uma trilha sonora muito envolvente, embora um pouco limitada. A jogabilidade é bem fluida, a interação com o ambiente está em um nível inédito, você pode brincar com os elementos (Air, Fire, Earth, Water) e se beneficiar muito em uma batalha, mas se não tiver muita habilidade poderá desfavorecê-lo. Em uma batalha específica, tinha um cachorro que rondava o lugar, e ao iniciar a batalha invariavelmente ele também adentrava e acabava morrendo... eu trazia um osso comigo, joguei-o no chão como um teste, a fim de chamar a atenção do dog e fazê-lo cair fora da batalha e... voilá! Esse é um bom exemplo de como a interação funciona!

Como é um jogo extremamente "RPGístico", os diálogos por muitas vezes são grandes e frequentes, e ter o talento Pet Pal, que possibilita o seu herói conversar com animais, torna o jogo muitíssimo mais atraente, engraçado e menos difícil! Muitas vezes os animais dão dicas, mesmo que de uma forma implícita, de quests e segredos... também dão opiniões próprias sobre o que tá rolando no mundo do jogo, fazem piadas engraçadíssimas... é um prato cheio, finalizar o game uma primeira vez sem possuir o talento seria um grande desperdício! Eis alguns exemplos de diálogos:

— (Dois guardas bêbados em frente a cidade principal, Cyseal) Junius: Pass the bottle, would you, Bibius? My throat’s dry!

Bibius: Again? This is a single malt imported all the way from Hawksbury, you know! It ain’t the local pigswill they sell for ale.
Junius: Single malt, my stubbly ♥♥♥♥! You’ve been had by one of them smooth-talking salesman again! Come! Give here! Afore I sober up!


— Um galo qualquer em meio ao mercado central: Liberty, equality and brotherhood for all! We’ll turn the wicked cleaver of decapitation upon YOU! Revolution is coming! (Revolução Francesa detected)


— Ishmashell (uma ostra falante): My fate is a cruel one!, I assure you! How many snot noses have held me up against their little dirty ears, only to claim they can “hear the ocean”!


O jogo está recheado de quests interessantes, enigmas realmente intrigantes. Você tem total liberdade de fazer o que bem entender no jogo, desde os atributos que você mesmo distribui, skills que decide usar (até um certo nível o número de skills que você pode ter será limitado, conforme avança no jogo aumentará, até chegar um ponto em que é ilimitado) até o ponto de poder matar os guardas da cidade e moradores de uma casa e pegá-la para você. Essa foi uma análise bastante superficial, não cheguei a tocar muito nos pontos técnicos e na realidade poderia ter descrito muito mais sobre as particularidades do jogo, mas caberá a vocês descobri-las!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
21 de 23 pessoas (91%) acharam esta análise útil
Recomendado
130.2 horas registradas
Publicada: 1 de fevereiro de 2015
Jogo absolutamente incrível! Requer dedicação pois possui uma profundidade grande mas isso torna-se fácil pois o jogo tem gráficos/arte maravilhosos, trilha sonora soberba e a jogabilidade é deliciosamente boa e desafiadora. Fora que a história desenrola-se conforme as suas escolhas... não no sentido dualista mas você realmente tem muita liberdade para abordar uma situação de diferentes maneiras... e isso é algo que estimula e incentiva bastante o jogador a ser criativo. Enfim, não é um jogo para qualquer um (por causa do quesito dedicação) mas é o jogo perfeito para aqueles que buscam algo a mais que um mero passatempo. 10/10
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
19 de 20 pessoas (95%) acharam esta análise útil
2 pessoas acharam esta análise engraçada
Recomendado
78.3 horas registradas
Publicada: 5 de novembro de 2014
O jogo tem uma imersão enorme, pra resolver as quests e conseguir as coisas o jogador precisa prestar atenção, ler os diálogos, procurar pelas pistas, nada vem de mão beijada. Acho que isso foi o que eu mais curti, o jogo me faz sempre ficar procurando pistas e armadilhas. Isso sem contar o bom humor, muitos diálogos e reações são puxadas para a diversão e entretenimento, é difícil ficar entediado quando, além de estar preocupado em resolver o mistério de alguma missão, você encontra um touro com clarividência ou um orc enfeitiçado por uma poção do amor.

Toda a narrativa é muito bem feita, tem até momentos em que você tem que tomar decisões que não tem volta (sim, já me arrependi de uma hahaha). O talento Pet Pal, por exemplo, que permite que seu personagem entenda os animais, não tê-lo limita um certo pedaço da profundidade e informações sobre a história. Sem precisar dizer que é divertido demais conversar com alguns animais.

O combate é o que eu esperava que me incomodasse um pouco, combate por turnos nem sempre me agradou, então eu estava meio receoso, mas eu achei muito bom. Divinity usa a dinâmica de pontos de ação, cada ação - seja andar, atacar, usar magias, o que for - gasta uma certa quantidade de pontos de ação. O número de pontos de ação utilizável e de iniciativa (quanto maior a iniciativa, antes você joga no turno) depende dos atributos de cada personagem, então é bom levar em conta na hora de upar.

Anyway, as batalhas também me agradaram MUITO, especialmente o foco que eles dão ao crowd-control. Se tem água no chão e você usar algo com poder elétrico, todos encostando levam choque (sangue também passa eletricidade, descobri isso eletrocutando um dos meus personagens sem querer). É tudo muito inteligente e desafiador.

Mas tenha em mente, se você não gosta de ter que procurar coisas em todo canto, ou não se importa em ler os diálogos (em Divinity são muitos), esse jogo muito provavelmente não é pra você. Agora, se você gosta de se aprofundar no jogo, descobrir detalhes curiosos, encontrar novidades sobre o lore, desafiar sua capacidade de perceber pistas e desenvolver o combate estratégicamente, Divinity Original Sin não deixa a desejar.

O jogo é feito pra ser jogado a dois, cada jogador controla o seu personagem e mais dois podem ser recrutados à sua equipe (no singleplayer você controla todos os 4 possíveis personagens). Eu joguei muito pouco com meu amigo por falta de tempo e o Robin ainda não tem, mas o pouco que eu joguei, me deixou bem empolgado. Arranje um amigo ou jogue comigo, estou à disposição hahahaha

Divinity me deixou muito satisfeito e surpreso, mesmo com toda a expectativa que eu depositei nele, ele não decepcionou, talvez a facilidade em roubar e conseguir gold seja um pouco falha, mas eu. É, sem dúvida, o melhor RPG que eu joguei em um bom tempo, senão também o melhor jogo.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
17 de 18 pessoas (94%) acharam esta análise útil
Recomendado
4.9 horas registradas
Análise de acesso antecipado
Publicada: 8 de abril de 2014
Até a fase alpha, nem tive vontade de continuar a testar o jogo. Hoje testei a fase Beta e minha nossa, como ficou bom!
Aquela sensação de arrependimento por participar deste Early Access sumiu com o lançamento desse Beta.
Agora só preciso de um pouco mais de tempo pra degustar o jogo.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
18 de 20 pessoas (90%) acharam esta análise útil
Recomendado
177.3 horas registradas
Publicada: 3 de julho de 2015
PORTUGUESE AND ENGLISH REVIEW

Análise em Português
Esse jogo é maravilho!

A frase anterior resume o jogo de uma maneira geral.

Os pontos positivos:
+ A variedade de personagens é fantástica. São tantas as opções que dificilmente alguém muito exigente em termos de customização de personagem não vai poder reclamar;
+ O sistema de desenvolvimento dos personagens é muito rico e diversificado. Dependendo das escolhas nos diálogos, as características pessoais do personagem mudam e podem influenciar habilidades;
+ A história é muito boa. Tem muito dialogo e uma série de histórias paralelas, que acrescentam ainda mais ao jogo. Boa leitura para quem joga acompanhando a história. Mas há um porém: se você não curte ler, vai acabar achando esse jogo chato, pois é muito coisa pra ler mesmo!!!
+ Sistema de batalha (TBS) é simplesmente sensacional. Não se trata de apenas TBS. As batalhas podem variar muito de acordo com a customização de habilidades dos personagens que você cria;
+ Por falar em habilidades, elas dão uma dinâmica única ao jogo, pois você pode usar as habilidades tanto dentro quanto fora das batalhas.

Os pontos negativos:
Honestamente, ainda não vi algo que realmente mereça ser pontuado negativamente.

De maneira geral, se você é um amante de RPG e gosta muito de ler, que gosta de variedades na jogabilidade, e uma ótima quantidade de customização de personagens e habilidades então esse jogo é pra você.
Jogo obrigatório para quem curte RPG
Numa escala de 0/10. Esse jogo é 10/10
Uma obra de arte da industria dos jogos.

English Review

This game is amazing!
The phrase above gives an overall about the game.

The pros:
+ Great variety of characters. There are so many options that even those who are extremely demanding about characters customization will not complaint;
+ The character development is very rich and diverse. Depending on your choices thru the dialogs, the personality of your characters changes and can influence some abilities;
+ The story and lore is very rich. There are toons of dialogs and a lot of side quests, adding much more to the game. It’s a good measure for those that really enjoy playing the game actually reading the story too. But beware: there so many dialogs that if you’re not into these, you may find the game a bit boring!!!
+ The battle system (TBS) is simply wonderful. IT’s not just TBS as we see on some games with TBS. The battles are very dynamic and can vary a lot depending your customization when creating your chars. This is very addict.
+ Speaking of abilites, you can use then inside (sure, yeah) or outside the battle, expanding your already wonderful gameplay to higher levels of possibilities.

The downs:
Honestly, I didn’t see any downs Worth mention.
Overall, if you’re an RPG lover, and like to read a lot, enjoy a very good gameplay and you also loves a lot of chars customization, then this your game.
On a 0/10 scale, this is a 10 game.
A masterpiece of game industry.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
11 de 11 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
31.8 horas registradas
Publicada: 8 de julho de 2014
Review Completa em: http://www.poepra2.com.br/blog/review-divinity-original-sin/

Divinity: Original Sin é um título robusto, feito com carinho, merecedor de muitas glórias. É um RPG nos moldes tradicionais capaz de trazer a essência do gênero com inovações dignas de nova geração. Com mecânicas nunca antes reproduzidas em outros títulos parecidos, ele facilmente fica à frente até mesmo de títulos AAA que se propõem à formula, e afasta a ideia de vez de quem achava que o mercado desse tipo de jogo estava pouco a pouco sumindo.

Com uma história que, apesar de clichê em momentos, consegue motivar o jogador, e com um mundo grande a ser explorado com muitas coisas a oferecer, Divinity é um título quer será referido por muito tempo como o “crème de la crème” dos RPG’s táticos por turno. Se você tiver condições, e gosta do gênero, não perca tempo, Jogue! De preferência com um amigo.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada