You are the Dragon Commander. Your mission it is to reunite a broken empire and become the new emperor. Success depends entirely on your ability to efficiently rule your empire, build invincible armies and lead them to victory.
Análises de usuários:
Todas:
Ligeiramente positivas (1,165 análises) - 77% das 1,165 análises de usuários deste jogo são positivas.
Data de lançamento: 6/ago/2013

Inicie a sessão para adicionar este item à sua lista de desejos, segui-lo ou dispensá-lo

Indisponível em Português (Brasil)
Este produto não está disponível no seu idioma. Confira a lista de idiomas oferecidos antes de comprar.

Comprar Dragon Commander

Comprar Divinity: Dragon Commander Imperial Edition

Comprar Divinity: Dragon Commander 4-Pack

$119.99
 

Análises

"Colourful, fun and memorable, its elements mesh surprisingly well." - 85% - PC Gamer

"Delightful merger of role-playing, strategy, and action...Dragon Commander is a gem." - 8/10 - Gamespot

"Divinity: Dragon Commander came out of nowhere to become one of my favorite games of the year. Swift, brutal dragon combat paired with large RTS battles works way better than I ever expected it to." - 8/10 - Venturebeat

"Proper strategy, like mama used to make... its loveable nature and repertoire of charming tricks absolutely wins the day." - Rock Paper Shotgun

"Dragon Commander manages to combine all of its different gameplay elements and delivers one cohesive experience that's highly worth playing" - 4/5 - Gamesradar

"Larian has created a unique, engrossing combination of strategy, political choice and rapid battlefield command." - 8/10 - Incgamers

Sobre este jogo

You are the Dragon Commander. Your mission it is to reunite a broken empire and become the new emperor. Success depends entirely on your ability to efficiently rule your empire, build invincible armies and lead them to victory. Your secret weapons: your tactical insights, your leadership skills and your ability to turn yourself into a dragon.
Dragon Commander is not just any strategy game - it seamlessly blends real-time strategy gameplay with turn-based campaigning, role-playing an ascending emperor and controlling a formidable dragon.

Key Features

  • Real time strategy: Command your sea, land and air forces in real-time. Combined operations and knowing where and when to hit are crucial elements of any victory.
  • Dragon Combat: During real time strategy mode, you can turn into a dragon to support your troops in combat and obliterate the enemy using your formidable dragon powers.
  • Turn based campaign: Direct your conquest on the turn-based world map; plan several moves ahead, build formidable armies and invest in the right technology or magic upgrades.
  • Rule your empire: You are the emperor and you make the decisions! But beware, political balance is easily upset. Each game is different and you'll find that a Dragon Commander needs to make really tough decisions. Feel the effects of your decisions on the battlefield as the war progresses.
  • Single-player, multiplayer and co-op modes: Play the single player story-driven campaign or test your mettle against other Dragon Knights, online or local via LAN. Start your own multiplayer campaign with or against a friend. Or duke it out on a skirmish map.

Requisitos de sistema

    Minimum:
    • OS:Windows XP SP3
    • Processor:Intel Core2 Duo E6600 or equivalent
    • Memory:2 GB RAM
    • Graphics:NVIDIA® GeForce® 8800 GT (512 MB) or ATI™ Radeon™ HD 4850
    • DirectX®:9.0c
    • Hard Drive:15 GB HD space
    • Sound:DirectX9c compliant
    • Other Requirements:Broadband Internet connection
    Recommended:
    • OS:Windows 7 SP1
    • Processor:Intel i5 2400
    • Memory:4 GB RAM
    • Graphics:NVIDIA® GeForce® GTX 550 ti 1GB ram or or ATI™ Radeon™ HD 6XXX
    • DirectX®:9.0c
    • Hard Drive:30 GB HD space
    • Sound:DirectX9c compliant, 5.1 surround sound
    • Other Requirements:Broadband Internet connection
Análises de usuários
Sistema de análises de usuários atualizado em setembro de 2016! Saiba mais
Todas:
Ligeiramente positivas (1,165 análises)
Tipo de análise


Forma de aquisição


Idioma


Exibir como:


(o que é isso?)
9 análises correspondem aos filtros acima ( Ligeiramente positivas)
Análises mais úteis  No geral
8 de 8 pessoas (100%) acharam esta análise útil
1 pessoa achou esta análise engraçada
Recomendado
16.0 horas registradas
Publicada: 11 de novembro de 2015
um jogo de RTS em que você pode ficar com 1 unidade sentada na base enquanto você mata um exercito inteiro com um dragão, ou usar de Europa Universalis para pobres.

Dragão/Deus (A.K.A algum numero/100)

------------------

O jogo é bonzinho, teve ultima att em 2013 mas não vale a pena pelo preço que esta na steam, só compre se for por humble bundle.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
7 de 7 pessoas (100%) acharam esta análise útil
1 pessoa achou esta análise engraçada
Recomendado
7.8 horas registradas
Publicada: 30 de setembro de 2015
Divinity: Dragon Commander é um daqueles jogos que você pode dizer que foi feito com amor e dedicação. Você vê isso na Arte, na Dublagem, na História...

Sério, bem triste que esse jogo passou despercebido pelo publico geral, talvez seja o melhor Spin-OFF de todos os tempos.

Compre agora. É sério. Ainda não está confiando em minha palavra né?

Então ok, vou lhes contar a história, a minha história do Imperador Dragão Vincent. (Não precisa se preocupar não tem nenhum spoiler do meio e do final do jogo)

Tudo começou quando o Imperador foi morto pelos proprios filhos, menos um, aquele que ficou ao lado do pai até o final: Vincent.

Gênio militar que era, dominou a ilha inteira e logo planejava DOMINAR O MUNDO! Mas então seu Conselheiro, pediu para que escolhesse uma noiva para ele. Cada raça trouxe sua melhor candidata. Os elfos surprienderam todo mundo com uma pupila tão bonita e tão fofa. Pensavam que tinham destruido a competição. Mas Vincent escolheu a garota mais feia, a mulher esqueleto Orfelia,

Ele estava seguindo as instruções do Youtuber Jesse Cox:
https://www.youtube.com/watch?v=vejayAkO9PM
Orfélia, quando transformada em humana, era a garota mais bonita de todas (e ainda aparecia pelada como pode ver na screenshot: http://steamcommunity.com/sharedfiles/filedetails/?id=527452460). Então transformou-a em humana. Só que a popularidade entre os esqueletos caiu.

Mas ai você me pergunta: valeu a pena? DEFINITIVAMENTE.

Depois, ao invés de sacrificar ela, trasformou ela em vampira, como pode ver nessa screenshot: http://steamcommunity.com/sharedfiles/filedetails/?id=527454633

NOTA: 11/10. MUST BUY!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
4 de 11 pessoas (36%) acharam esta análise útil
Não recomendado
7.7 horas registradas
Publicada: 23 de junho de 2014
Ótima ideia, péssimo design. A história é interessante, os gráficos são bons e a estratégia de mover as tropas pelo mapa (fora da batalha) é divertida, mas a batalha em si é péssima. Seria um RPG interessante, mas falha totalmente na parte de RTS. Controlar o Dragão é chato também.

Talvez a empresa acerte em uma sequência, mas Divinity: Dragon Commander não foi uma boa compra para mim.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
1 de 23 pessoas (4%) acharam esta análise útil
Não recomendado
7.8 horas registradas
Publicada: 12 de outubro de 2014
I dont liked it ,the game is slow and monotonous
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
Recomendado
21.2 horas registradas
Publicada: 10 de julho de 2014
Eu não lembro quanto paguei por este jogo, mas foi na Summer Sale 2014 então, com certeza foi uma pechincha.

Me surpreendi muito quando instalei o jogo e comecei a jogá-lo. O jogo é uma mescla de RTS, Estratégia de Tabuleiro e RPG, vou explicar cada uma destes três.

RTS: Um dos melhores exemplos desse método é o exemplo do jogo Age Of Empires, quando você decide entrar em combate selecionando o seu Dragão-Comandante, você é transportado para a região selecionada e tem controle para erguer bases, criar unidades de guerra E DE QUEBRA: você pode invocar seu Dragão-Comandante no mapa para fazer o papel de um tipo de um "avião caça" na luta, bem legal, e de quebra você tem algumas habilidades que pode usar como raio de cura à aliados, pilar de fogo para destruir em área, etc...

Estratégia de Tabuleiro: Um bom exemplo para essa parte do jogo é compará-lo ao jogo Sid Meier's Civilization, ou Crusader Knight's, ou até mesmo o WAR de tabuleiro que todo mundo adora jogar e fazer inimizades com os amigos. Nessa sessão do jogo você pode construir uma unidade de construção por região como Fábrica bélica, taverna, mina de ouro, etc...cada uma tem sua função e é importante saber onde e quando construí-las. Esse método é o mais comum de ser usado já que você só pode usar seu Dragão-Comandante uma vez por turno (RTS só uma vez por turno...guarde para as lutas mais difíceis). No modo estratégia por tabuleiro você pode escolher como comandante um dos seus generais ou o exército imperial. (Outra vez: Só pode-se usar um general por turno. As lutas restantes ficam para o exército imperial).

Além disso você pode contar com as cartas que você ganha, podendo usar até 5 por tuno (tanto RTS como Tabuleiro), as cartas dão bônus para unidades aliadas, atrapalham unidades inimigas ou simplesmente trazem reforços de unidades mercenárias. Existem também as cartas de estratégia que você pode usar para melhorar uma região sua ou estragar uma região inimiga. Apesar do suporte das cartas, quem não gostar de tanto tempo gerenciando esses detalhes, pode facilmente ignorá-las e jogar sem sentir falta dels (no modo fácil, é claro.)

E por fim a parte RPG: Eu digo RPG mas não de modo integral, você não pode escolher detalhes de aparência sua e etc, porém grande parte dos jogos RPG's estão presentes como as escolhas: Cada ato que você permite ou proíbe, como a venda de "erva-da-paz" dos elfos, cultos necromânticos dos amortos (prefiro falar amortos do que mortos-vivos, deal with it) ou a propagandas enganosas dos anões, repito, essas ações vão refletir com agrado ou repugna das raças que integram seu império. É sempre bom tentar equilibrar pois uma nação descontente não lhe favorecerá com o apoio e bônus de dinheiro por turno.
Além disso, você pode utilizar pontos de pesquisa para aprimorar suas tropas ou seu próprio dragão-comandante com novas habilidades, ou seja, um 'level up' do personagem principal.

Para resumir: Quem gosta de um jogo de decisão e consequências misturado com a vontade de dominar o mundo e curte um jogo de estratégia simples de entender: Este é um excelente game!

Se você leu até aqui, você é uma pessoa ociosamente linda.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
Recomendado
12.8 horas registradas
Publicada: 7 de abril de 2015
Vale cada centavo
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
Recomendado
14.7 horas registradas
Publicada: 2 de novembro de 2015
Definitivamente vale a pena. A campanha pode ser um pouco curta, mas a proposta é muito interessante. A ambientação é literalmente fantástica com elementos de fantasia + steampunk; a história e os personagens são envolventes o suficiente, e a maneira que as escolhas afetam suas batalhas (tanto RTS quanto War de tabuleiro) tornam o jogo desafiador e gratificante de dominar e aprender. Uma review online comparou o jogo com jogar várias latas de tinta colorida em uma parede: o resultado final pode parecer pouco lapidado esteticamente mas é colorido e variado.

Ah, e vc é um dragão com jetpack.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
Recomendado
33.6 horas registradas
Publicada: 2 de novembro de 2015
Jogo excelente! Peguei na promoção por 10 reais e valeu cada centavo, boa história, uma tonelada de possibilidades, graficos e jogabilidade decentes mas principalmente virar um dragão no meio da batalha e definir o conflito é muito bom.
Recomendado!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
Recomendado
14.6 horas registradas
Publicada: 4 de abril
Vc é um dragao.
10/10
Ninguem vai ler essa ♥♥♥♥♥ mesmo.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
Recomendado
12.2 horas registradas
Publicada: 15 de março
Jogo tem uma idéia fantástica, bons gráficos, boa jogabilidade
Meio complicado de entender no começo principalmente a parte em que você organiza suas tropas no mapa, mas nada que um tutorial nao resolva

Nota: 7/10
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada