Naufragaste e foste parar a uma ilha remota. És um náufrago desesperado num mundo de aberrações. Como irás sobreviver? Coleciona as páginas de um Guia de Sobrevivência e descobre como! Procura alimentos, água e abrigo antes que morras. Está a anoitecer? Descobre como suportares a noite para veres outro amanhecer!
Análises de usuários:
Últimas:
Muito positivas (366 análises) - 82% das 366 análises de usuários dos últimos 30 dias são positivas.
Todas:
Muito positivas (13,103 análises) - 83% das 13,103 análises de usuários deste jogo são positivas.
Data de lançamento: 23/out/2013

Inicie a sessão para adicionar este item à sua lista de desejos, segui-lo ou dispensá-lo

Indisponível em Português (Brasil)
Este produto não está disponível no seu idioma. Confira a lista de idiomas oferecidos antes de comprar.

Comprar How to Survive

Pacotes que incluem este jogo

Comprar How to Survive - Storm Warning Edition

Inclui 7 itens: Barricade! DLC, El Diablo Islands - Host, Heat Wave DLC - x 3 pack, Hello my name is... Nina. DLC, How to Survive, Kovac’s Way DLC, One Shot Escape DLC

 

Atualizações recentes Ver todos (25)

22 de agosto

HTS2 - More Language Support & Release!

Hello Survivors!

When we began Early Access back in 2015 we stated that we wanted to have a final game by summer 2016. And we can now announce that we will be launching How to Survive 2 on September 8th 2016.

For the past few months, we have been working with you to enhance, widen and shape How to Survive 2 by taking in account requests and suggestions from the forums. We would like to thank everyone for their feedback by making sure that you get a nice pack of Early Access items. So anyone who purchased the game before official launch will receive the Pet Crow, the Winter Hat and the Dual Knives. Those who purchase at launch and after will need to purchase them via DLC. We will be keeping the Primal Fear Armor for those who already own another How to Survive franchise game. The Voodoo Guitar will remain exclusive to players who purchased the game early (thank you, guys!).

We knew from our research that the community wanted a space where they could play with friends and freely create their own camps, so we focused in developing a system where you could invite other players and cooperate with them to survive.

The scenarios are now bigger than ever in the How to Survive franchise, introducing a variety of environments from swamps to suburban streets, sewers, farms, the French Quarter, etc. And we have populated it with infected hordes that include classic zombies, fast zombies, SWAT, exploding or mutilated zombies, farmers and more. You can also find a large catalogue of animals, infected or not, roaming the scenarios: alligators, turtles, pelicans, bears, deer, pigs, bunnies, etc.

You can come across over a dozen NPCs that will trigger dozens of quests with different mechanics: scavenge, timed challenges, escort and stealth missions. And, first among the locals, there is Kovac who will guide your steps to craft your gear, build your camp and fortify it. Following his recipes, you and your friends will be able to equip your survivors with amazing weapons and armors. And you can choose among dozens of skills to level up and create unique characters.

There has been exhaustive work tweaking and adjusting animations, controls, difficulty, leveling, etc. And, by the time that you read these lines, our plan is to have the game available into, at least, 11 languages! In our latest update today we have added language support for Korean, Thai and Turkish.

http://steamcommunity.com/sharedfiles/filedetails/?id=749664916

There will be one last content update at launch to bring new challenges and quests, camp modifications, new enemies, building, weapon and armor novelties and… a special surprise Kovac finale! We wanted to do something completely crazy and unexpected, just like Kovac. So don’t tell us… "Oh, I saw that coming…" because you didn’t. ;)

Upon game launch we will need to reset the servers which will mean all camps and characters will be reset back to the beginning. We have implemented a new save structure that is a bit more simplified than what we had during Early Access which we hope will clear up a number of issues that users have reported to us. Along with the save update we are also releasing all the game Achievements for the game which will require you to start from a fresh launch. The quest structure has been updated and finalized so we hope everyone will have a nice story quest flow that will lead up to our new ultra-exciting story ending.

After the game launch we will be monitoring the forums and game performance to decide our next steps. So stay tuned!

EKO Software & 505 Games

7 comentários Leia mais

16 de junho

How to Survive 2 - Latest Updates!

Survivors! The zombie hordes have gained a foothold, please join us in eradicating this infection! Collect your friends, collect your enemies, we need to work together to quell the zombies invading our camps!

We have made quite a few changes to How to Survive 2! since we last spoke! I am stopping by again with a few key points to tempt you to try out our newest game in Early Access:

  • Elite quests
  • Boss mobs
  • Female avatars
  • Twitch Integration
  • Kovac Challenges
  • New areas to explore
  • New NPCs and zombies
  • New items & crafting recipes
  • Traps and defensive buildings
  • Local Co-op AND Multiplayer together! Yes, together, up to 16 people can play at once.

You can read about our newest update here: http://steamcommunity.com/games/360170/announcements/detail/799767469278535992
For previous owners of the game there is a nice set of Primal Fear armor awaiting you in my bunker in your private chest!

http://steamcommunity.com/sharedfiles/filedetails/?id=704798823
Pick up a copy and join me in making the world safe once more!

-Kovac

3 comentários Leia mais

Análises

“How To Survive is more than just a solid zombie role-playing game, it's also one of the best games of the year. With its mix of Diablo-esque hack and slash and dual-stick shooter action, 505 Games' newest Xbox Live Arcade game is a real surprise. It has a deep crafting system and a world you can't help but want to explore. How To Survive rewrites the book on zombie RPGs!”
90% – Gaming Nexus

“While there have been several games that have recently released that fall into the growing zombie survival genre, How to Survive manages to do enough differently to earn its place among the crowd. The game’s strong emphasis on crafting and juggling basic human needs helps distinguish itself from other titles. Additionally, the story campaign features a tale that manages to contain a few plot twists despite its simplicity. One area where How to Survive shines is the game’s strange brand of humor which is helped along by the title’s decent voice acting. In all, How to Survive is recommended to any fans of either the undead or survival simulators. Those who enjoy intricate crafting or top-down gaming should also give it a look.”
4 Stars – Examiner

“In terms of graphic and sound design, How to Survive looks good and sounds even better. The lighting gives real-time shadows based on not only the source but the time of day as the shadows move with the passing sunlight. The island is beautifully rendered, and animations are fluid and zombie deaths are pleasingly gory, chunks of body parts will liter the ground and roll depending on the shape of the surface”
8/10 – Gamer Horizon

Oferta especial

How to Survive 2 on Early Access is available now!
Also remember that if you own How to Survive 1 there is special gift waiting for you!


http://store.steampowered.com/app/360170

Survivor Loyalty Item: “Primal Fear” Armor Set.

If you are already a survivor who’s got How to Survive or How to Survive: Third Person Standalone on Steam, we welcome you back with a very special treat: the “Primal Fear” armor set!
A set of protective gear finely crafted out of the best bones and scrap metal that can be found in the dumpster. Made by master Survivalist Kovac himself, it promises to keep bites and scratches to a minimum while displaying a distinctive Swamp-chic style!
Join Early Access now, slip it on and knock’em dead!

Sobre este jogo

Naufragaste e foste parar a uma ilha remota. És um náufrago desesperado num mundo de aberrações. Como irás sobreviver?
Coleciona as páginas de um Guia de Sobrevivência e descobre como! Procura alimentos, água e abrigo antes que morras. Está a anoitecer? Descobre como suportares a noite para veres outro amanhecer! Apanha objetos espetaculares e monta mais de 100 armas e ferramentas fantásticas – desde caçadeiras a cocktails Molotov. Agora, já te podes defender a ti próprio e aos teus amigos em condições!

• Escolhe um dos três personagens jogáveis, cada um com características diferentes.

• Explora quatro ilhas repletas de fauna e flora originais e uma grande variedade de monstruosidades aberrantes.

• Coleciona capítulos de vídeo do Guia de Sobrevivência para obteres dicas que te irão salvar o pelo!

• Joga com um amigo offline no modo de história ou joga online com um amigo através de 8 desafios difíceis.

• Experimenta o grau de dificuldade “Iron Man” para uma experiência de jogo hardcore

Requisitos de sistema

    Mínimos:
    • SO: Windows XP
    • Processador: Intel Core 2 Duo or better
    • Memória: 4 GB de RAM
    • Placa de vídeo: Ati 5700 series/NVIDIA GeForce GT240 or equivalent
    • Rede: Conexão de internet banda larga
    • Armazenamento: 7 GB de espaço disponível
Análises de usuários
Sistema de análises de usuários atualizado em setembro de 2016! Saiba mais
Últimas:
Muito positivas (366 análises)
Todas:
Muito positivas (13,103 análises)
Tipo de análise


Forma de aquisição


Idioma


Exibir como:


(o que é isso?)
854 análises correspondem aos filtros acima ( Muito positivas)
Análises mais úteis  Nos últimos 30 dias
3 de 3 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
13.0 horas registradas
Publicada: 11 de setembro
Jogo muito interessante, não é a história que chama atenção (ate pq a historia é bem simples), mas a jogabilidade no modo geral, você está numa ilha cheia de zumbis e outros capeta lá, e vc terá que sobreviver à ataques desses monstros, além de causas naturais como fome e sede, seu personagem também fica cansado, da pra jogar COOP LOCAL o que é bem legal, pra quem ter um irmão e talz, eu gostei bastante, conforme vc vai avançando no jogo a dificuldade vai aumentando, o crafting do jogo também é legal, te permite permite criar armaduras e armas com os itens encontrados no mapa. Compre em promoção e você não vai se arrepender, aaaaaah e recomendo jogar com joystick !!!!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
2 de 2 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
14.1 horas registradas
Publicada: 5 de setembro
"How To Survive"

PRÓS:

- Gráficos aceitáveis
- Jogabilidade fluída
- Bons efeitos sonoros
- Crafting elaborado
- Historia Razoável
- Ambientação sombria
- Missões variadas
- Viciante e divertido

CONTRAS:

- Para PC/Note fraco pode ser complicado,pois existem muitos efeitos e poucas opções gráficas,o que pode prejudicar maquinas mais humildes.

Resumo: "How To Survive" é um jogo com temática zumbi e simplesmente muito viciante,o sistema de crafting é muito bem elaborado,e a variedade de itens é muito satisfatória,a cada novo local descoberto a sua curiosidade aumenta e não tem vontade de parar, a historia não é "excelente" , mas também tem certa profundida,embora seja linear e você não tenha controle sobre quem vive ou morre,ainda assim é um bom jogo,e os zumbis ? Bom no início são mel com açúcar,mas depois se tornam uma dor de cabeça principalmente a noite e na hora de "limpar" um refúgio (local onde irá dormir) pois a medida que avança vai ficando cada vez mais complicado retomar os refúgios (o que claro,é normal) e tem alguns zumbis com características especiais que são bem chatos de matar,fora isso muito bom,e sem falar no "Kovac" que nos ajuda com suas "grandes" dicas de sobrevivência,tem certa personalidade,mas não foi tão bem explorado quanto poderia ser,de qualquer forma "H2S" é ótimo jogo para se ter na sua biblioteca, vale cada centavo.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
1 de 1 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
27.5 horas registradas
Publicada: 3 de setembro
Este game é muito bom pessoal eu recomendo principalmente para quem curte zumbis. Obg
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
1 de 1 pessoas (100%) acharam esta análise útil
1 de 1 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
17.4 horas registradas
Publicada: 1 de setembro
how to survive e um jogo que te prende , que te deixa cada vez mas curioso de explorar cada local cada conteudo que se tem no jogo , um jogo de sobrevivencia que requer pensar explorar sobreviver tudo um pouco ajudar uns aos outros , e um jogo excelente so o ruim dele e que ele e ingles , mas um jogo que te deixa explorando por horas e horas cada vez mas e mas , e um excelente jogo cada dia jogo mas e mas ele vale a pena comprar ele demais ! excelente jogo bom divertimento a todos
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
2 de 3 pessoas (67%) acharam esta análise útil
Recomendado
8.3 horas registradas
Publicada: 1 de setembro
'-' Joguinho mutcho tchunai Curti pakas '-'


rocomendo

Os Zumbi são mó fdp
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
Análises mais úteis  No geral
114 de 131 pessoas (87%) acharam esta análise útil
69 pessoas acharam esta análise engraçada
Recomendado
13.6 horas registradas
Publicada: 22 de dezembro de 2014
(refrão)
Que bonito esse joooooooogo...
Que joguinho mutcho loooooooouco...
Ele é todo arrojado...
Vale cada centavo...
E agrada quem jogar...

Mano sério, peguei na promoção de natal por uma merreca, gostei tanto que comprei todas as DLC's e fiz a insigna pra ajudar os desenvolvedores, e quando vi meu nome na lápide, delirei de leve! compra ae!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
70 de 72 pessoas (97%) acharam esta análise útil
1 pessoa achou esta análise engraçada
Recomendado
42.1 horas registradas
Publicada: 11 de janeiro de 2014
Bom, a princípio eu achei que você construia um local, uma espécie de safe house, e colocaria seus itens lá etc. e tal. Mas no jogo você está sempre em movimento, claro que dá para usar um local para drop de itens úteis, mas acreditem, já perdi muitos itens assim, não sei se é bug... enfim... O jogo é bom, história clichê, rendeu várias horas de diversão, dificuldade mediana, para quem gosta de jogar sempre economizando como eu, no final acaba sobrando muito de tudo e ficando fácil, mas é de cada um. As conquistas são fáceis, basta ter apenas paciência. O multiplayer eu joguei pouco, apenas para pegar uma das conquistas, achei muito estranho, não curti. só anda os dois juntos na tela, dependendo muito da boa vontade do outro player, enfim, prefiro sozinho mesmo. Quem curti zumbis (como eu) eu recomendo muito.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
57 de 62 pessoas (92%) acharam esta análise útil
1 pessoa achou esta análise engraçada
Recomendado
14.0 horas registradas
Publicada: 27 de junho de 2014
How to survive é um jogo simples que te desafia a sobreviver em um arquipélago, o sistema de jogo lembra muito Diablo 2 (visão isométrica, skills, NPC's que te dão missões) com um pouco de humor (raras vezes), achei o jogo bem divertido, porém bem curto e algumas coisas que irritam e estragam a jogabilidade.

Vou comentar sobre o que gostei do game (jogo base sem as DLC's, que não vi necessidade de comprar)

- É possível construir suas armas a partir de coisas comum, como pedaços de ossos, cano velho, bombas de oxigênio ou simplesmente paus e pedras.
- Você tem um manual, que te ensina basicamente tudo sobre o jogo, desde como seu personagem funciona (comer, beber, dormir) até um manual técnico de como fabricar as armas (esse manual você vai completando com livros que voce encontra ao redor do cenário)
- Depois de um tempo você fica familiarizado com o jogo, fácil aprendizado.
- As armaduras aparecem no corpo do seu personagem, como capacetes, armaduras.
- É possível pescar ou caçar animais nas ilhas (animais saudáveis, pois o game tem animais zumbificados), assar carne e criar bebidas como limonada ou tônicos de força ou até mesmo comidas exóticas.
- A combinação de itens é alta, é possível tornar seu personagem um verdadeiro Rambo se você decorar quais itens precisa para o que quer.
- O jogo tem turno noite-dia-amanhecer-por do sol, de noite algumas criaturas que não tem de dia saem pra te procurar, é possível espantar elas com fogo ou com a luz da lanterna
- É possível queimar os inimigos, atear fogo em arbustos ou abrir caminho com ele em alguns pontos do cenário.
- História simples e fácil de entender até pra quem não fala inglês.
- 3 personagens com atributos diferentes pra escolher
- É possível alternar os 3 personagens (se você divide o computador com alguém), sem correr o risco de salvar por cima, ou seja, seu irmão pode jogar com o personagem 1 e você com 2, cada um com seu save.
- Tem cooperativo local e na internet.
- Várias proezas fáceis de conseguir.

Mas o game também tem alguns contras que acabaram prejudicando a fama dele:

- Algumas missões estúpidas (Converse com um npc no começo da ilha cheia de zumbis e que te dá uma missão que termina no mesmo topo dessa ilha e o npc que você encontra lá no topo da ilha se teleporta pro começo e larga você pra voltar sozinho, ou, sou o único piloto de avião da ilha que pode pilotar o único avião que você tem e nos tirar daqui e mesmo estando ferrado numa ilha cheia de zumbis eu quero que você pegue 20 caixas pra mim, por que? Sei lá, pega lá daí a gente vai embora), e não, isso não é engraçado.
- O jogo não sabe se é um simulador ou um arcade (apesar de estar escrito Arcade na capa ele força uma simulação que as vezes mais te ferra do que faz sentido)
- O jogo força o jogador a dormir, comer e beber, vc pode comer e beber a hora que quiser, ok, mas o problema é que ele só dorme quando a barra tá vermelha, mesmo se a barra estiver faltando 1 pedacinho pra ficar vermelha, o char se recusa a dormir e vc tem q ficar esperando a barra passar pra não morrer de cansaço no meio da fase, isso é completamente idiota)
- O jogo te obriga a jogar a noite, apesar do personagem ganhar mais experiencia no período noturno (se você tiver uma skill disso) o jogo não te dá o direito de escolher se quer jogar de dia ou a noite, o dia só passa se o personagem dormir (e tem aquele problema que citei sobre o personagem só dormir quando quer e não quando você quer).
- Respawn absurdamente rápido (a ilha praticamente ''cospe'' inimigos em você, é impossível subir num ponto do mapa e voltar sem ter 360 zumbis no seu pé de novo no caminho, e isso não é legal, principalmente quando você está com pressa)
- Skills inúteis ou lineares (mais de 15 skills, você só usa 6 no personagem, o resto é skill pra atirar fogo, causar dano de fogo, piromanica, fogo na bunda etc, o jogo praticamente te obriga a mexer com fogo, eu me ferrei no final porque não dei a mínima pra fazer coquetel molotov)
- Inimigos absurdos (o jogo tem um ''tank'' ao estilo left4dead, um alce zumbificado que te atropela te jogando no chão e algumas avestruzes zumbis, e o game praticamente coloca eles nos piores lugares da missão, o problema é quando isso se junta ao respawn infinito de inimigos, o cenário vira uma salada de monstros, a última missão é um verdadeiro pandemônio, eu só consegui passar bugando o chefe final quando fiquei escondido num canto inacessível da ilha e ele ''congelou'')
- Certos inimigos ''bugam'' no cenário, atravessam paredes, congelam, ou simplesmente correm de lado até você.
- O game dá alguns crash's no meio de viagens entre as ilhas, mas no meu tempo de jogo eu só tive isso 3 vezes.
- Não tem extras no single player, zerou acabou. Tem umas 20 missões paralelas que consistem em dar itens a alguns macaquinhos que te retribuem com outros itens, mas maior parte desses itens você não quer ou voce encontra na ilha, ou seja, missões inúteis que não dão em nada, fiz 5 delas e nem fiz mais, também tem umas ervas que voce encontra no cenário, juntando 20 delas voce ganha uma proeza no Steam...mas eu não dou a mínima pra isso.
- Missão Final desnecessária em dificuldade e nem um pouco original ( O jogo praticamente te força a lutar contra uma horda interminável de zumbis, quantos? Ele não diz, é óbvio que depois de matar 5 mil zumbis você vai morrer, mas dane-se, o jogo continua cuspindo inimigos em você sem o menor sentido, só terminando depois que você abate um tank que brota do chão)
- A ausencia de um modo 'free road' depois de zerar o game, ou seja, continuar explorando a ilha depois de zerar, não tem a mesma graça ficar travado na última missão só pra fazer as missões secundárias pra pegar proeza.

How to survive é um jogo que tem um começo ótimo (eu realmente fiquei empolgado), mas perto do final é decepcionante, mas é muito jogável no modo co-op, não jogue esse jogo sozinho como eu fiz, ou vai acabar surrando o teclado no final, por 3 reais foi uma experiência divertida, mas que não vou mais repetir.

Nota 5,5 (Single Player) e 6,5 (Cooperativo).
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
41 de 41 pessoas (100%) acharam esta análise útil
3 pessoas acharam esta análise engraçada
Recomendado
18.9 horas registradas
Publicada: 20 de dezembro de 2015
Das 18 horas de jogo marcadas aqui pelo Steam, pelo menos metade delas foi passada em um estado febril de vício, de não conseguir parar, de querer avançar só mais um pouco, de querer só ver o que tem ali naquela parte desta ilha, de salvar depois que escurecer. Só mais alguns zumbis. Deixa só eu cozinhar essas coisas aqui. Só mais uma missão.

A outra metade das 18 horas foi na linha de "o que é o que eu estou fazendo com esse jogo tosco?".

Em How To Survive, você acorda em uma ilha, não tem uma memória clara de como foi parar ali, mas o lugar está infestado de zumbis. Não é a melhor das aberturas e acredite: o enredo não vai ficar nem um pouco mais inteligente depois disso. Ao contrário da franquia Dead Island, que se esforça para construir uma história (e, honestamente, fracassa), How to Survive nem mesmo tenta e mergulha de cabeça no surreal, com um pé na galhofa. No grande painel dos acontecimentos, ninguém vai te explicar o que está realmente acontecendo ou de onde vem essas criaturas e, no lugar de respostas, você é apresentado a um manual muito maroto que vai te explicando a arte da sobrevivência (daí o título do jogo) e dando a tônica do jogo: não me leve a sério, mas sobreviver é meio complicado.

No meio disso tudo, você é apresentado ao próprio autor do livro, um pirado que está nessas ilhas há mais tempo do que todo mundo e manja muito da arte de ficar vivo. E gosta do que faz. É quase uma paródia. Ou crítica à cultura dos zumbis.

Mas Kovac, o autor de "How To Survive", não é a única figura bizarra do elenco de personagens. Tem uma velha senhora com um pino solto na cabeça que está viva sabe-se lá como. Tem macacos inteligentes (!) que se comunicam através de papagaios (!!) e que te passam missões. Tem outros sobreviventes cuja sobrevivência também desafia toda a lógica.

Mas lógica é o que menos importa em um jogo onde você combina três pedaços de osso e umas pedras afiadas e cria um bumerangue tríplice que irá se tornar a arma definitiva para matar zumbis por mais de metade da jornada. O importante é que o bumerangue rasga dois, três zumbis em sequência e ainda volta para sua mão. Você mata e não gasta munição. Melhor arma de toda a história do extermínio de mortos-vivos.

Sendo obrigado a administrar elementos como fome, sede, cansaço, lugar para dormir, munição, componentes para criar novos equipamentos, árvore de evolução de habilidades e o infinito respawn criaturas, a princípio, parece um jogo desafiador. A noite, quando mutantes mais velozes surgem, a aventura fica bastante tensa. Mas o tempo, a experiência, e o equipamento certo deixam o jogo bastante repetitivo depois de determinado ponto.

As missões para avançar a história envolvem um bocado de caminhada e o fluxo constante de mortos faz não só com que passe pelo mesmo ponto diversas vezes, como também faz com que você mate exatamente os mesmos mortos diversas vezes. E isso irrita.

O título também pode ser jogado com a ajuda de um amigo online, o que deve tornar as batalhas ainda mais divertidas. E fáceis. Mas não experimentei essa opção.

A edição que eu ganhei vem acompanhada de vários DLCs. Não testei todos. Por pura coincidência, joguei com o personagem Nina, que não faz parte da versão comum do jogo. Se ela traz alguma diferença para a balança, não posso dizer. Ela é especializada em armas que envolvem fogo, mas não construí nenhuma e me mantive fiel ao bumerangue tríplice que não precisa de combustível para funcionar.

Recomendo o DLC El Diablo Islands, que acrescenta uma história paralela mais interessante que a principal (o que nem é um mérito tão grande assim), três novas ilhas bem perigosas, novas criaturas e dois novos NPCs, além de efeitos de névoa e chuva para todo o jogo, que já valem o investimento. É possível alternar entre as ilhas e jogar as duas histórias ao mesmo tempo.

Originalmente publicado em: http://blog.retinadesgastada.com.br/2015/12/jogando-how-to-survive.html
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
Últimas análises
math_dosantos
0.3 h
Publicada: 30 de setembro
Bom, supriu minhas expectativas.
felipe
0.9 h
Publicada: 26 de setembro
nao gostei do game.
a ideia dele e legal mas nao curti nao
prefiro jogar survivalist esse é mais da hora...
Nardo
15.2 h
Publicada: 24 de setembro
Jogo de sobrevivencia, só que em ilhas.

Nota: 8/10

Recomendo.
Itsfodao pegador
2.0 h
Publicada: 23 de setembro
ESSE JOGO E A SOLUÇAO QUANDO TA SEM NET
DovahkiinC3
7.9 h
Publicada: 22 de setembro
-Procurava jogo Coop Local
-Achei How To Survive e tava em promoção (de 27R$ pro 2R$)
-Obvio que comprei; e não me arrependi.

Tem craft, tem bastante ação, tem bastante missões, tem o Kovac (um russo muito gentil e que sempre faz um market do seu guia de sobrevivência). Garanto que você irá ficar com esta frase na cabeça se jogar este jogo: KOVAC'S RULES (falando em inglês com sotaque russo). Recomendo!
❄ guV'
4.4 h
Publicada: 21 de setembro
O jogo me surpreendeu, bem bacana, RPG divertido e bom pra passar o tempo.
wisk3y Gold4 Xora boy
24.2 h
Publicada: 19 de setembro
top
FillipeSJ
3.0 h
Publicada: 17 de setembro
Um dos melhores jogos de sobrevivencia em mundo aberto (e de zumbis) que eu já joguei, recomendo a todos !!!
Pedro Madruga Melo
14.0 h
Publicada: 14 de setembro
Produto recebido de graça
Joguei bastante na versão pirata (me desculpem.. ainda não tinha grana) mas mesmo assim aqui vai a análise:

Prós:

Gráficos: não são top de linha e nem nova geração, porém os cenários são bem caprichados e com variedades bem extensas, alguns apresentam perigos naturais, como lava e toxinas. A atmosfera transmite uma imersão gigante. (QUALQUER BAGAÇA RODA ESSA COISA, então não me vem com desculpa de que é pesado)

Mecanica: não é das melhores, confesso, mas rapidamente você se acostuma e já sai arrancando cabeças facilmente.

História: é boa, mas não possui muita profundidade, pois apenas um personagem é carismático, seu nome é KOVAC, o garoto propaganda desse game. ( Quando topar com este ser... verá que ele não bate muito bem, mas é gente boa tá??)

Criação: existem muitos itens que você ganha no decorrer das missões e explorações. E TODOS podem ser usados para criar algo útil, porém tome cuidado, pois caso você construa algum item e coloque uma red stone (pedra usada para ampliar o poder de fogo da sua arma) nele... não poderá mais desfazer o item. Então faça tudo com sabedoria tá?

Exploração: não é um fallout 4 da vida, mas se você fazer todas as side quests e explorar o mapa vai sentir facilidade com a campanha principal.

Inimigos: não tem muita variedade, são todos burros e previsíveis... como todo o bom zumbi é. Existem algumas variações como um alce zumbi, mulher zumbi, etc.

Realismo: seu maior inimigo é quem? você mesmo... pois no game você precisa comer, beber e dormir. Não é como left 4 dead... onde da pra tacar o pirocóptero sem dó... aqui é o seu boquinho que está em jogo amigo.... Então procure enfrentar zumbis apenas se estiver bem alimentado, hidratado e descansado ok?

Preço: ganhei ele em um leilão da steam com todas as dlc, e mesmo assim.. deve estar uns R$ 10,00 na steam sale...( só não comprei porque na época do lançamento tava uns R$ 40,00... e não tinha um tostão... sério, até mendigo ostentava e eu não)

Personagens: existem vários, cada um com uma arvore de skills diferente que vai cair como uma luva de acordo com seu estilo de jogo, se você curte armas de fogo.. pega o Kenji, se curte pancadaria, pega o Jack. Simples assim

Tutorial: merece destaque, pois tudo o que você precisa aprender o senhor KOVAC vai te ensinar através de pequenos livros que aparecem no caminho, tudo contado de forma bem humorada e interessante.

Contras:

Profundidade: o jogo é bom, mas o personagem que você escolhe não tem voz, não tem carisma nenhum, a única coisa que sabe sobre cada um está escrito em um breve texto na seleção dos personagens. Poderia ter uma profundidade maior, mas como o jogo é indie, até que está bem acima da média.

Nota: 9.5 / 10