Sharpen your axe, string your bow, brew your potions! Ancaria needs heroes like you. Grab your friends to join the resistance! The once peaceful land of Ancaria is in grave danger. The evil Ashen empire has enslaved its population and is using the orc-like Grimmoc to wipe out the Seraphim, who swore to protect it.
Análises de usuários: Ligeiramente positivas (531 análises)
Data de lançamento: 16/abr/2013

Inicie a sessão para adicionar este jogo à sua lista de desejos ou dispensá-lo

Comprar Sacred Citadel

Comprar Sacred Citadel 3-Pack

Includes three copies of Sacred Citadel - a copy for yourself and two copies to send to your friends!

Pacotes que incluem este jogo

Comprar Sacred Collection

Inclui 3 itens: Sacred 2 Gold, Sacred Citadel, Sacred Citadel: Jungle Hunt

 

Sobre este jogo

Sharpen your axe, string your bow, brew your potions! Ancaria needs heroes like you. Grab your friends to join the resistance!

The once peaceful land of Ancaria is in grave danger. The evil Ashen empire has enslaved its population and is using the orc-like Grimmoc to wipe out the Seraphim, who swore to protect it. In order to defeat the empire you will have to prove yourself as a warrior by riding terrifying mounts, acquiring earth shattering skills and looting powerful weapons and valuable treasures. Grab your friends and join the resistance!

Key Features:

  • Battle it out with up to 3 player co-op
  • Take charge of 1 of 4 unique playable character classes with their own set of skills
  • Explore the vast world of Ancaria
  • Ride thumping mounts and use devastating war-machines
  • Tons of loot!
  • Define your own fighting style with different weapon combinations

Requisitos de sistema

    Minimum:

    • OS:Vista/Win7
    • Processor:2GHz Dual Core
    • Memory:2 GB RAM
    • Graphics:Nvidia GeForce 8600 or better, ATI Radeon HD 2600 or better
    • DirectX:9.0c
    • Additional:GPU Memory: 256MB
Análises úteis de usuários
11 de 12 pessoas (92%) acharam esta análise útil
8.4 hrs registradas
Publicada: 25 de outubro de 2014
Para quem tem saudades do bom e velho Golden Axe, esse jogo está na medida certa. Ele trás elementos de RPG, como escolha de armas, armaduras e também evolução do personagem. Mas se você é exigente e procura um jogo estilo Diablo ou Torchlight vai se decepcionar. O game é para um nicho que tem saudades da velha formula bater e correr.
Um ponto interessante é que o jogo trás uma vila com um mercado de compras de poções, armaduras e armas, além de uma área de apostas. Assim o jogador pode se preparar para cada missão. O jogo base trás 4 capítulos, a DLC Jungle Hunt vem com um adicional de 1 capítulo, recomendo a compra da DLC.

Pontos possitivos:
- Belos gráficos.
- Multiplayer online.
- Receita antiga de jogo de ação ao estilo do bom Golden Axe.
- Bom nível de dificuldade.
- Várias classes.
- Nunca é demais jogar novamente, mesmo após concluído.

Pontos negativos:
- É curto, cerca de 5 horas para concluir o básico.
- Música com loops repetitivos.
- Alguns bugs.
- Limitado até o nível 40 por personagem.

Considerações:
Vale a pena comprar, me trouxe a mesma sensação de quando jogava a saga Golden Axe nos anos 90. A minha única tristeza é que assim como os jogos dos anos 90 eram curtos, este também é.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
4 de 5 pessoas (80%) acharam esta análise útil
13.5 hrs registradas
Publicada: 19 de novembro de 2014
Excelente beat'em up que relembra os velhos tempos do Golden Axe, Captain Commando, Dungeons and Dragons e afins. Se você curte esse estilo vale a compra, bons gráficos e jogabilidade para a proposta do jogo.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
2 de 2 pessoas (100%) acharam esta análise útil
0.2 hrs registradas
Publicada: 10 de fevereiro
Ótimo Multiplayer, porém, poucas pessoas online!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
2 de 3 pessoas (67%) acharam esta análise útil
9.2 hrs registradas
Publicada: 26 de outubro de 2014
Jogo Beat 'em up com toques de RPG muito divertido, ainda mais se for jogado com mais de uma pessoa, controles respondem bem e não sinto problemas ao rodar em PC ultrapassado. Sendo o único problema a duração do jogo, já que o fator replay não pareça ser atrativo o suficiente.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
1 de 2 pessoas (50%) acharam esta análise útil
11.3 hrs registradas
Publicada: 12 de outubro de 2014
Ótimo jogo! Mistura elementos de RPG e hack'n'slash tradicionais.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
1 de 2 pessoas (50%) acharam esta análise útil
6.3 hrs registradas
Publicada: 29 de dezembro de 2014
Hack n Slash muito bom os graficos e diversao nesse jogo valem muito apena .
Jogar coop local muito bom pena ser um jogo curto
Recomendado!!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
7 de 8 pessoas (88%) acharam esta análise útil
14.7 hrs registradas
Publicada: 7 de novembro de 2014
Great 2.5D Hack'n'Slash beat'em up game with beautiful visuals and RPG element pretty much reminds me of the "Golden Axe" series.

Positives:
+ Fun arcadey game
+ Solid frames and beautiful visuals
+ Nice selection and unique characters
+ RPG element feels great

Negatives:
- Playing alone is boring so find someone to play with
- Leveling can be tedious
- The story is nothing blowing ( typical hero story )

Thought:
The game is great if you ever felt bored and want to play something fun well this is what you are looking for but i highly suggest that you look for someone to play with and this game online match making is great so you will not be bored.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
3 de 4 pessoas (75%) acharam esta análise útil
17.5 hrs registradas
Publicada: 30 de outubro de 2014
Worth about $5

Old/Mid school Style Beat-em Up. Kind of a Capcom Dungeon and Dragons arcade game mashed up with Golden Axe and some Final Fight sprinkled on top, with a great art style.

There are 4 diffrent classes, about 5 diffrent combos/moves to unlock per class, juggle, gound and pound, knockbacks, behind the back attack, elemental weapons, armors, mounts to ride, lots of baddies, and some epic bosses.

It can be a bit botton mashy (like all early to mid 90's beat-em ups) and to make yer class a badass you will have to grind some, it's a fun grind tho. They give you diffrent tasks to complete: no dieing, time limit, and score when you replay levels.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
1 de 1 pessoas (100%) acharam esta análise útil
21.1 hrs registradas
Publicada: 22 de fevereiro
Basically a flashy Golden Axe style filmstrip side scroll beat um up.

Segmented battle areas, portions of story, rinse repeat.

There are RPG elements with leveling up and distributing points to abilities. Or gain new gear by defeating enemies or purchasing them.

This game feels right at home for me, the story is kind of immature, but I didn't expect more than a reason to go to the right and kill things. It isn't like Golden Axe had a major driving storyline, we just want to push buttons and see bad guys die.

And the satisfaction of earning new levels to your magic is still just as nice.

I think people complaining, were just looking for something deeper. This is right next to Golden Axe, Legend, Knights of the Round, etc.

If any of those names hit home for you, score it on sale. I can't speak for online play, but for 4-player local co-op, this is a good time.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
1 de 1 pessoas (100%) acharam esta análise útil
12.6 hrs registradas
Publicada: 30 de janeiro
I started playing as a warrior alone, but after act 1 I wanted to try co-op with a friend. I tried hunter and he played as warrior and to be honest the game became way more interesting since in two it seems better, more control and well less dying :P

The story is simple, a bad guy is looking for some artefacts that will look like some strange statues and at the end of an act... well he gets them both :) The last act is the battle to stop him destroy the citadel, while the DLC is a different chapter, no idea yet, but I'll buy it for sure :)

The control is simple, easy to remap but since I am not the biggest fan of console control ideas.... well I don't really like the combos and such or the itemization or the management of gear and such but with a friend I managed to finish it and get some nice achievements in the mean time. I can't say that is a bad game just because I don't like the combos idea but the control system seems slower like the one on consoles. The keyboard should be 10-20 times faster than a gamepad but since the game was designed for the slower "minded" people playing on consoles well the control interface will always lag behind the keyboard speed.

Except that, the acts are small, fast places, the mobs are a little too powerfull but managable, while playing in two or more is way better and way more interesting. The game is simple, kill stuff, get some money (way too few for the mobs you kill but well...), buy some gear if you can and do challanges, while focus on dieing as little as possible :P

It takes around 6 hours to finish the four acts but that doesn't mean that you'll get to level 40 (the max level) since at the end of act IV you'll be at best level 35, or at least that was the case for me. How to get from 35 to 40.... well no idea yet.

Remember that this game is a arcade scroller with some RPG parts but with combos and a small number of potions to use, so playing it should be quite easy and enjoyable. Try it alone, try it with friends, I think the 2nd choice will be way better thou :P

And if you like it, well you can always vote my review :P
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
1 de 1 pessoas (100%) acharam esta análise útil
0.3 hrs registradas
Publicada: 17 de março
Boring game.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
1 de 2 pessoas (50%) acharam esta análise útil
8.2 hrs registradas
Publicada: 5 de janeiro
Clone of the classic Golden Axe series. Good for one evening with a bunch of friends.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
4 de 8 pessoas (50%) acharam esta análise útil
11.1 hrs registradas
Publicada: 7 de fevereiro
Well, it's another beatemup...Or is it a hack & slash?

I have this constant internal debate over whether certain games can be considered beatemups or hack&slashes. Both genres use the "belt-scroller" style of level design, both have the standard "move forward, kill enemies, repeat", but there are numerous subtle yet key differences that set them apart. Usually the simple answer is that everyone has weapons in hack & slashers (Konami's TMNT arcade games, Castle Crashers, etc), but uh...hmm. Capcom's Arcade D&D games feature characters with weapons, and I consider that a beatemup. On the other hand, t...

Wait...What? Uh...let's just get on with the review.

Sacred Citadel is a videogame. You kill things, acquire stuff, and complete challenges. I don't recommend this game, but it isn't bad. Out of 10 I'd give it a 4.1. By IGN's standards that might mean SC is a terrible, horrible, no good pile of etc, but eh I think it's ok. The plot is traditional fantasy fare. Big Momma is causing trouble, some mysterious person is seeking artifacts, and there's a bunch of monsters that need a good killin'. I imagine fans of the Sacred series will have a better understanding of what's going on. I played through Sacred 2 on the Xbox 360, but I lost track of the story in the middle of thousands of quests, billions of items, and hundreds of lands/dungeons/universes.

There are four classes to choose from (Warrior, Ranger, Shaman, Mage).
After deciding on your class (which IMO doesn't make a huge difference) you'll set out on a journey through 4 acts with 5 stages apiece. The level-designs are very traditional, but this game mixes it up a bit with mounts, falling objects, and even a little platforming.

The monsters typically consist of um...Grimmocs? Bedellers? Digestya? Covinters? I think I'm just making words up. There are "orcs" with spears, "mutant tribals" with swords, "robots" with shield-thingies, and you get the idea I hope. Whatever they're actually called is irrelevant, because they're mostly fodder for you to make disgusting paste out of. I play a lot of arcade beatemups (& hack & slashers). These tend to be really difficult. The odds aren't fair in the slightest, you get 2 or 3 lives, and enemies can do a lot of damage. Sacred Citadel is pretty much the exact opposite.

This isn't an easy game just because it has RPG elements. One of the standard tactics in a belt-scroller is "herding". You move around to manipulate the enemies, so that they crowd up together. When enemies separate, they tend to surround you, mess up your attacks, and generally ruin your day. It's like some awkward dance with occasional punching. It definitely pays off if you know what you're doing. With SC...all you have to do to herd enemies is X X X Y. This sends them flying to the corner of the screen. Aftwards you can just press X X X and X X X and X X X and you get where I'm going with this? Decisions in this game tend to consist of:

"Do I press X X X down Y and stun them?"
"Do I press X X up Y and juggle them?"
"Do I just press whatever because it doesn't really matter?"

It's nice having RPG elements, it's nice having many attack options, but there's no incentive to doing well because there's no challenge. Even if you choose a supposedly squishy class like the Shaman, you can still take lots of damage, healing items are prevalant, and you can even keep a few healing potions for emergencies. It's not uncommon to play through this game for the first time, and never die. The only aspect where you are liable to fail involves the stage rankings, book-keeper challenges, and certain "don't get hit by XXXX" achievements. All this other stuff really amounts to is a grind, since it requires playing through every stage a handful of times.

Still, while it eventually becomes a boredom-inducing ordeal, Sacred Citadel can be a satisfying in terms of leveling-up, acquiring loot, and gutting monsters by the dozen. If you expect anything more; like a challenge, or some truly compelling game-design, you're bound to be disappointed.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
13 de 14 pessoas (93%) acharam esta análise útil
13.5 hrs registradas
Publicada: 28 de novembro de 2013
Levei 5 horas para zerar o jogo, e o terminei por volta do nível 32. Após matar o último chefe algumas vezes, notei que ainda havia um bom espaço para curva de aprendizagem: cada vez que eu o matava, fazia com escore maior, levando menos dano, e em menos tempo!
E nem tanto pelos itens que eventualmente caiam dele, mas sim porque eu bolava técnicas para desviar de seus ataques, maximizando meu dano enquanto atacava. Isso me deixou animado e feliz com a jogabilidade, pois notei que zerar não era o objetivo principal, e sim ser um jogador bom!
Depois também fui atrás das bets após zerar, para revisitar as fases passadas com um objetivo secundário definido. A maioria completei de primeira, com raras exceções, falhando o objetivo de escore numa das fases. Foi inclusive em função disso, tentando novamente, que descobri o combo aéreo, para tentar melhorar o escore. Ou seja, mais um aprendizado, impulsionado pelo próprio jogo!
Também, claro, há a possibilidade de criar um personagem novo, e descobrir toda a evolução do personagem e seus combos, e criar para ele um estilo de jogo único. E quem sabe, um dia, a loucura de resetar um personagem, só para fazer outra build de stats nele? Quem sabe…
Apesar de ter me frustrado no multiplayer, levando em conta seu singleplayer sólido, e imaginando que vão melhorar os problemas de multiplayer (e há sim muito espaço pra isso) com patches, fico esperançoso de ser um título que vingue por muito tempo.
Não posso de deixar de dizer que é um excelente título, de jogabilidade cativante e recompensadora, que vai entreter um bom fã de Beat’em up por várias horas – não só as 5 horas que leva-se para zerar.

Review completa em http://www.poepra2.com.br/blog/review-sacred-citadel/
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
12 de 18 pessoas (67%) acharam esta análise útil
1.7 hrs registradas
Publicada: 17 de maio de 2014
Good....
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
5 de 6 pessoas (83%) acharam esta análise útil
9.0 hrs registradas
Publicada: 13 de maio de 2014
Jogo super divertido, trazendo a velha formula dos clássicos da era de ouro dos games. Sacred Citadel tem gráficos modestos, mas bonitos. Jogabilidade fluída e com ótima resposta dos controles(independente de usar gamepad ou teclado). Resumindo: quem como eu tem saudades de jogos como golden axe, street of rege, final fight e tantos outros que marcaram uma geração, não pode perder.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
3 de 4 pessoas (75%) acharam esta análise útil
12.4 hrs registradas
Publicada: 25 de junho de 2014
Trata-se de um jogo divertido, um rpg hack-and-slack de plataforma que beira a casual. Lembra um pouco o lendário Golden Axe e provavelmente agradará os fãs da série. Pra um rpg, é demasiadamente simples, não te dá muitas opções. Além disso, a história é sempre a mesma, é difícil se motivar a levar todos os personagens ao nível máximo. Não há sidequests, caminhos alternativos ou qualquer coisa do tipo. Para jogar casualmente agrada, se se espera complexidade, melhor esquecer. Joga online no máximo com 3 pessoas - o que é estranho já que são 4 as classes de personagens - e é bastante divertido nessa modalidade. Recomendo a compra se estiver em promoção.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
2 de 3 pessoas (67%) acharam esta análise útil
11.8 hrs registradas
Publicada: 13 de maio de 2014
Jogo muito bem feito, gráficos e efeitos muito bem definidos.
Para quem gosta do estilo "Golden Axe" esse é o jogo!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
1 de 2 pessoas (50%) acharam esta análise útil
8.8 hrs registradas
Publicada: 5 de outubro de 2013
Ótimo Hack n' Slash, com armas e poderes variados.
Gráficos cartunescos e bem bacanas!
Muito bom pra jogar com os amigos. =]
--------------------------------------------------------------------------
Great Hack n 'Slash, with various weapons and powers.
Cartoony graphics and really cool!
Very good to play with friends. =]
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
2 de 5 pessoas (40%) acharam esta análise útil
5.5 hrs registradas
Publicada: 26 de setembro de 2014
Que sufoco terminar esse jogo, ele tem uma boa premissa mas erra em quase tudo, menos no visual que é belíssimo

Basicamente o jogo começa pecando pelos inimigos mais esponjogos que o Bob, a ponto de precisar dar uns 200 golpes em alguém comum, e surgem trocentas hordas em cada fase com o mesmo esmaga botão sem estratégia do começo ao fim... na verdade precisa de um pouco de estratégia nos chefes, mas eles são meio injustos e mesmo estudando os movimentos deles, tendo timing e etc, ainda é bem fácil morrer por motivo idiota, já que váeios golpes ocupam a tela inteira

Outro ponto são as músicas muito irritantes, curtas e com loop enjoativo... poderiam mudar o tom nas batalhas ou ter uma variação de arranjos a cada sub-ato, mas não, mesma ♥♥♥♥♥ sempre

Os combos são meia boca, veículos que deveriam ajudar acabam mais atrapalhando por colaborar com a zona na tela, plataforma nula, nada de caminhos alternativos, trocar as armas parece fazer pouca diferença e os pontos de upgrade no fim de cada fase são muito poucos (eles imaginaram que as pessoas seriam loucas de rejogar várias vezes e forçaram esse replay)
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada