Discover the industry standard for geopolitical simulation of today’s world! In Masters of the World, the third incarnation of Geopolitical Simulator, play as the head of state of one or more countries and expand your influence across the globe.
Análises de usuários:
Últimas:
Neutras (12 análises) - 50% das 12 análises de usuários dos últimos 30 dias são positivas.
Todas:
Neutras (354 análises) - 42% das 354 análises de usuários deste jogo são positivas.
Data de lançamento: 5/fev/2014

Inicie a sessão para adicionar este item à sua lista de desejos, segui-lo ou dispensá-lo

Indisponível em Português (Brasil)
Este produto não está disponível no seu idioma. Confira a lista de idiomas oferecidos antes de comprar.

Comprar Masters of the World

Pacotes que incluem este jogo

Comprar Masters of the World Expert Bundle

Inclui 3 itens: 2014 Edition Add-on - Masters of the World DLC, Masters of the World - Geopolitical Simulator 3, Modding Tool Add-on for Masters of the World

 

Atualizações recentes Ver todos (12)

8 de julho

Reduced price for Masters of the World and its DLCs

Following the release of Power and Revolution - Geopolitical Simulator 4 for PC, Masters of the World - Geopolitical Simulator 3 is now available at a new reduced price.

3 comentários Leia mais

Análises

85% – GamePire (Deutsch)

75% – Der Stratege (Deutsch)

“if you want to become a world leader and experience what it is like trying to manage every intricate detail involved in being in charge, then Masters of the World is the game for you!”
75% – JumpToGamer (English)

Sobre este jogo

Discover the industry standard for geopolitical simulation of today’s world!
In Masters of the World, the third incarnation of Geopolitical Simulator, play as the head of state of one or more countries and expand your influence across the globe.

A totally unique simulation engine

The game engine, Geopolitical Simulator 3, includes over 600 data elements for each of the 175 playable countries and calculates their changes in real time throughout the game based on players’ actions. Some examples include popularity ratings, political relations, and economic exchanges between countries. Various organizations, including NATO, use the technologies in the Masters of the World simulator for education and training.

Over one thousand playable actions.At the country’s helm, the player/head of state can act in many areas: budget, taxation (nearly thirty types of taxes), currency, economy (over 130 economic activities), foreign and domestic affairs, defense, society, labor, health, social security, education, environment, transportation, culture, and more.

For each of these areas, numerous laws can be proposed and must be voted on by the Parliament in order to pass. For example: setting social welfare benefit minimums, changing the retirement age, developing atomic weapons in secret, subsidizing the auto industry, hiring teachers, defining the powers of unions, setting speed limits on roads, regulating prostitution, creating an international film festival, etc.

The player can also construct elements on the world map, which will change accordingly: nuclear plants, wind farms, military bases, pipelines, high-speed train lines, airports, and many more.

Every action has its consequences. Lobbies, social groups, and leading national and international figures will intervene if their artificial intelligence finds it necessary to do so (interviews with the press, resignations, protests, strikes, roadblocks, wars...).

To prevent tension, the player can meet with any figure, or address the media (over 8 hours of dialog in the game).

Thanks to its intelligence services, the player also has an entire arsenal of spies and “special” ops. For example, he or she can - at his or her own risk - reveal scandals about another political party, dismantle terrorist networks, sabotage a foreign infrastructure, have an opponent assassinated, etc.

As the head of the military, the player can move all of his or her units around the map from their actual bases during military conflicts.

International organizations (over 50 organizations included) play an important role. At the UN, for example, the player can denounce a nation in order to obtain the Security Council’s authorization for a military intervention. The player can also create his or her own organization.Lastly, in order to stay in power, he or she must actively campaign to make sure he or she is elected.

Playable scenarios

Twenty or so scenarios are included in the game, such as “American Fiscal Cliff,” “Israel-Iran Escalation,” “Organization of Rice Exporting Countries,” “European Budgetary Golden Rule,” “Building South American Pipelines,” “African Economic Boom,” “Third World War,” “Triple A,” and “Famine in Southern Sudan.”.

Multiple integrated options

  • Network multiplayer mode
  • Multi country mode to play several countries at the same time
  • Game settings: terrorist activities, natural disaster probabilities, reactivity of the people, war triggering
  • Real-time online player ranking
  • Integration of your own photos, logos, and names to make the game even more realistic
  • Interactive tutorial and constantly accessible help during the game
  • Have fun learning geopolitics with the QUIZ mode, which has over 3000 questions
  • Text and dialog 100% in English


Note about the DRM: it uses an automatic and seamless activation at the first launch, then it can be played off-line if needed. It allows unlimited activations on three computers at the same time, plus if needed to migrate for free to other computers. So you'll never have to pay twice for the same licence of the game. The system allows future and backward compatibility with game add-ons plus upcoming upgrades to sequels of the game and access to our newsletters subscription. This also offers possibility to players having bought previously on other sites to migrate on steam and keep their add-ons.

Requisitos de sistema

Windows
Mac OS X
    Mínimos:
    • SO: Windows 10, 8, 7, Vista, Xp
    • Processador: 1.6 Ghz
    • Memória: 4 GB de RAM
    • DirectX: Versão 9.0c
    • Armazenamento: 2 GB de espaço disponível
    Recomendados:
    • SO: Windows 10, 8, 7, Vista, Xp
    • Processador: 2.4 Ghz
    • Memória: 4 GB de RAM
    • Placa de vídeo: Nvidia or AMD with 512Mb RAM
    • DirectX: Versão 9.0c
    • Armazenamento: 2 GB de espaço disponível
    Mínimos:
    • SO: MACOX 10.6 or higher
    • Processador: 1.6 GHz
    • Memória: 4 GB de RAM
    • Armazenamento: 3 GB de espaço disponível
    Recomendados:
    • SO: MACOSX 10.6 or higher
    • Processador: 2 GHz
    • Memória: 4 GB de RAM
    • Placa de vídeo: Nvidia or AMD with 512Mb RAM
    • Armazenamento: 3 GB de espaço disponível
Análises de usuários
Sistema de análises de usuários atualizado em setembro de 2016! Saiba mais
Últimas:
Neutras (12 análises)
Todas:
Neutras (354 análises)
Tipo de análise


Forma de aquisição


Idioma


Exibir como:


(o que é isso?)
11 análises correspondem aos filtros acima ( Ligeiramente positivas)
Análises mais úteis  No geral
39 de 44 pessoas (89%) acharam esta análise útil
Não recomendado
43.0 horas registradas
Publicada: 13 de julho de 2014
Masters of the world foi um jogo que me enchi de vontade de jogar depois do lançamento, mas devo confessar que me decepcionei muito com o jogo, porque:

1. Logo na abertura do jogo, a tela de loading pode travar dependendo da capacidade de seu computador
2. Se você não entende muito de inglês, você terá muita dificuldade em joga-lo, pois é um simulador de geopolítica muito complexo
3. O jogo tentou ser o mais próximo do mundo real possível, por esse motivo, não se impressione caso o jogo comece a ficar entediante, até porque é um simulador de geopolítica, e costuma ter ação apenas durante alguns poucos casos de conflito, que na maioria das vezes, você mal tem controle sobre seu exército, é muito automático, tornando-o novamente entediante, além de dificilmente você conseguir fazer isso sem a ONU te atrapalhando
4. O mapa de guerra do jogo é muito pobre em unidades, em torno de 3 unidades de terra, 3 do mar e 3 de ar, deixando as guerras, que seriam o ápice de emoção do jogo, uma experiencia desestimulante
5. O jogo também perde em diversão devido ao foco exagerado que você é obrigado a ter na sua política interna, fazendo do jogo uma espécie de trabalho chato
6. Outro ponto ruim do jogo é a passagem do tempo, que se for muito lenta, o jogador passa a depender dos botões aceleradores do jogo, e se for muito rápida, o jogo fica travando devido aos cáculos que o jogo faz dia após dia, deixando o jogo lento e obrigando o jogador a diminuir os gráficos do jogo (como eu fiz), porém isso depende da capacidade da máquina
7. O jogo sofre com muitos bugs, não estou falando de bugs que ocorrem eventualmente, e sim de bugs ridículos que ocorrem a todo momento com unidades militares desaparecidas e o tesouro nacional travado, com isso você pode perder o jogo em pouco tempo
8. O preço abusivo pelo qual o jogo está sendo cobrado, pois mesmo sendo lançamento e pelo programa caro, com um jogo enorme, ele ainda é um jogo de gênero estratégico, e que até agora, não me mostrou motivo algum de custar tudo isso

Apesar de todas esses tópicos, o jogo também tem pontos positivos:

1. O jogo conta com uma interface complexa, porém, descomplicada para um jogador novato, facilitando a jogatina
2. O jogo tem um professor que serve de tutorial a todo momento do jogo e ,em uma forma inteligente, consegue identificar o seu problema e te ajudar a resolve-lo
3. A AI do jogo é extremamente inteligente, sendo que ela é capaz de formar táticas que podem deixar até mesmo o jogador mais experiente de queixo caído
4. As trilhas sonoras do jogo são incríveis, e se adáptam bem ao jogo e ao tema
5. Mesmo com o tédio do jogo, ainda é o jogo mais realista em questão de geopolítica que eu já vi em toda a minha vida, pois todo aquele país que você comanda depende somente de você para geri-lo, o que alimenta um pouco seu ego
6. O jogo tem uma face um tanto educativa, pois ajuda a treina a sua ética, noção de administração e estratégia de guerra

Depois de um bom tempo estudando o jogo, eu finalmente cheguei a conclusão de que o jogo não é muito interessante, mas é ótimo quando você está procurando um gênero novo ou treinando um pouco para aprender mais sobre geopolítica.

Finalizando: Eu não estou totalmente arrependido de ter comprado este jogo, recomendo que aguarde o preço baixar depois de alguns meses e espere as atualizações do jogo que talvez ajuda na questão dos bugs, já o resto depende do seu gosto pelo jogo e pelo gênero
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
7 de 7 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
91.7 horas registradas
Publicada: 11 de agosto de 2014
Game realista, complexo com temática pouco explorada pelas produtoras, mas também conta com alguns bugs de deprimir até os mais otimistas gamers.
Mesmo assim eu recomento para conhecer.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
5 de 5 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
111.1 horas registradas
Publicada: 11 de abril de 2015
Jogo muito bom! Vale a pena, mas esta dando um ERROR EXCESS VIOLATION , se o caso não for solucionado quero meu reembolso!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
4 de 4 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
313.2 horas registradas
Publicada: 10 de janeiro de 2015
Ótimo jogo , pra quem gosta de geopolítica vai adorar, muito bom mesmo!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
3 de 3 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
37.8 horas registradas
Publicada: 19 de agosto de 2014
Recomendo, porém com ressalvas, jogo de genero diferente dos demais, não é intuitivo ( até você entender a mecanica do jogo se leva tempo), a jogabilidade é delicada ou seja dificil pois certas coisas não é você quem faz e sim uma ação sua que gera determinadas consequencias, não se pode sair mudando tudo de uma vez ou sair se achando o dono do mundo que vc acabará se dando mal, pois seu proprio povo se vira contra você.

Dica basica de jogo, começar devagar sem fazer mudanças drasticas, equilibrar as contas do seu país gerando superavit nas exportações/importaçoes e deixar a coisa correr meio solta.

Outra coisa que falta é a tradução em pt-br pois nesse jogo você depende 100% do entendimento do que estão lhe falando.

Ou seja recomendado com ressalvas pois no momento (19-08-2014) o preço é meio salgado para o que o jogo oferece.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
3 de 3 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
589.8 horas registradas
Publicada: 15 de dezembro de 2014
O Geopolitical Simulator 3 é o melhor simulador em que se pode ser o presidente de uma nação é um jogo muito bom, os aconselho a comprar mas alerto que tem alguns bugs que atrapalham o jogo.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
1 de 3 pessoas (33%) acharam esta análise útil
1 pessoa achou esta análise engraçada
Não recomendado
196.5 horas registradas
Publicada: 20 de novembro de 2015
muito bom mas falta liguagem em portugues!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
0 de 1 pessoas (0%) acharam esta análise útil
Não recomendado
0.7 horas registradas
Publicada: 8 de dezembro de 2015
muito ruim, sem dinamica.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
Recomendado
19.4 horas registradas
Publicada: 12 de fevereiro de 2014
Esse jogo é bem interessante pelo fato de mostrar de forma educacional o mundo das decisões dos líderes de todos os países
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
Recomendado
86.9 horas registradas
Publicada: 29 de outubro de 2015
Jogo muito interessante, simula muito bem a política e economia do muindo, poderia ter tradução para português.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
Últimas análises
pimentavitor15
78.2 h
Publicada: 15 de setembro
Sempre que abro, aparece "parou de funcionar". Que raiva !