Control and conquer the greatest empire ever known to man.
Análises de usuários:
Últimas:
Muito positivas (116 análises) - 93% das 116 análises de usuários dos últimos 30 dias são positivas.
Todas:
Muito positivas (5,098 análises) - 94% das 5,098 análises de usuários deste jogo são positivas.
Data de lançamento: 22/set/2004

Inicie a sessão para adicionar este item à sua lista de desejos, segui-lo ou dispensá-lo

Indisponível em Português (Brasil)
Este produto não está disponível no seu idioma. Confira a lista de idiomas oferecidos antes de comprar.

Comprar Rome: Total War™

Pacotes que incluem este jogo

Comprar Rome: Total War™ Collection

Inclui 2 itens: Rome: Total War™ - Alexander, Rome: Total War™ - Collection

Comprar Total War Master Collection Sept 2014

Inclui 8 itens: Medieval II: Total War™, Rome: Total War™ - Collection, Empire: Total War™, Napoleon: Total War™, Total War: SHOGUN 2, Total War: Shogun 2 - Fall of the Samurai, Viking: Battle for Asgard, Total War™: ROME II - Emperor Edition

Comprar Total War Grand Master Collection

Inclui 27 itens: Medieval II: Total War™, Rome: Total War™ - Collection, Empire: Total War™, Empire: Total War™ - Special Forces Units & Bonus Content, Empire: Total War™ - Elite Units of the West, Empire: Total War™ - The Warpath Campaign, Empire: Total War™ - Elite Units of America, Empire: Total War™ - Elite Units of the East, Napoleon: Total War™, Napoleon: Total War - Heroes of the Napoleonic Wars, Napoleon: Total War™ - Coalition Battle Pack, Napoleon: Total War™ - The Peninsular Campaign, Napoleon: Total War - Imperial Eagle Pack, Total War: SHOGUN 2, Total War: SHOGUN 2 - Sengoku Jidai Unit Pack, Total War: SHOGUN 2 - The Hattori Clan Pack, Total War: SHOGUN 2 - The Ikko Ikki Clan Pack, Total War: SHOGUN 2 - Dragon War Battle Pack, Total War: SHOGUN 2: Saints and Heroes Unit Pack, Total War: SHOGUN 2 – Otomo Clan Pack DLC, Total War: Shogun 2 - Fall of the Samurai, Total War: Shogun 2 - Fall of the Samurai – The Saga Faction Pack, Total War: Shogun 2 - Fall of the Samurai – The Obama Faction Pack, Total War: Shogun 2 - Fall of the Samurai – The Tsu Faction Pack, Total War: Shogun 2 - Fall of the Samurai – The Sendai Faction Pack, Viking: Battle for Asgard, Total War: SHOGUN 2 - Rise of the Samurai Campaign

 

Sobre este jogo

Uma vez que o Império Romano está sob o seu comando, não abaixe sua espada ainda – os bárbaros estão chegando. Com dois títulos premiados da estimada série de jogos Total War, você terá o dobro de obstáculos e oportunidades para controlar e conquistar o maior império jamais conhecido pelo homem.
A Collection Edition inclui:
Rome: Total War Guie uma das três nobres famílias romanas em uma busca abrangendo o século para conquistar o controle do Império Romano.
Rome: Total War - Barbarian Invasion
(Pacote de expansão oficial para Rome: Total War) Testemunhe o declínio de Roma enquanto hordas bárbaras atacam, forçando uma amarga disputa interna entre facções rivais.
  • Votado como melhor jogo de estratégia de 2004 pela IGN, GameSpy e GameSpot.
  • Lute ao lado ou contra os maiores lideres da historia como Júlio César, Espártaco e Aníbal para expandir ou destruir o Império Romano.
  • Faça um cerco contra os romanos como Átila o Huno, terríveis Saxões ou outras facções selvagens usando armas e habilidades únicas.
  • Comande legiões compostas por guerreiros em épicas batalhas cinemáticas com milhares de soldados na tela de uma só vez.
  • Uma campanha abrangendo o século deixa os jogadores responsáveis pelo gerenciamento estratégico dos braços econômico, civil, religioso e militar dos seus impérios.

Requisitos de sistema

    Minimum: Microsoft® Windows® 2000/XP, Pentium III 1.0GHz or Athlon 1.0GHz processor or higher, 256MB RAM, 2.9GB of uncompressed free hard disk space (plus 500MB for Windows swap file), 100% DirectX® 9.0c compatible 16-bit sound card and latest drivers, 100% Windows® 2000/XP compatible mouse, keyboard and latest drivers, DirectX® 9.0b, 64MB Hardware Accelerated video card with Shader 1 support and the latest drivers. Must be 100% DirectX® 9.0b compatible, 1024 x 768 Display Resolution, Internet (TCP / IP) play supported;Internet play requires broadband connection and latest drivers; LAN play requires Network card (Multiplayer)
    Important Note: Some cards may not be compatible with the 3D acceleration features utilized by Medieval II: Total War. Please refer to your hardware manufacturer for 100% DirectX® 9.0b compatibility.
Análises de usuários
Sistema de análises de usuários atualizado! Saiba mais
Últimas:
Muito positivas (116 análises)
Todas:
Muito positivas (5,098 análises)
Últimas análises
✯☬ MONGOLIAN ☬✯
10.1 horas registradas
Publicada: 13 de agosto
Mesmo sendo relativamente antigo, é um clássico! Jogo o Barbarian Invasion por causa dos Hunos, ainda estou aprendendo a jogar mas é um bom jogo.
SasakiGamer
6.4 horas registradas
Publicada: 11 de agosto
Muito bom!!
shadowking.org
0.2 horas registradas
Publicada: 9 de agosto
O MEU JOGO NÃO CARREGA, NÃO CONSIGO ENTRA NELE,PEDE SEMPRE O DIRECTX 9 EU COLOCO E NÃO ADIANTA.
RaposaRommel
56.1 horas registradas
Publicada: 5 de agosto
Excelente jogo! Apenas quem não gosta de jogos de estratégia podem vir a não gostar.
As batalhas em alta escala de soldados juntamente com as vozes de comando são emocionantes e o mapa de campanha tem um alto nível estratégico.
Recomendo!!!
Lokidin
43.0 horas registradas
Publicada: 26 de julho
JOGAÇOOOOOOOOOOO
rodrigo79
9.7 horas registradas
Publicada: 20 de julho
otimo jogo, otima musica
felipe_morari
5.2 horas registradas
Publicada: 5 de julho
Ótimo jogo de estratégia.
Charney
53.6 horas registradas
Publicada: 5 de julho
Simplesmente viciante, eu to gastando cada dia das minhas férias para poder construir meu sonhado império
mjsvljp
181.9 horas registradas
Publicada: 3 de julho
Jogo sensacional!! Vale a pena para quem gosta de estratégia!!
thiagojuarez
74.0 horas registradas
Publicada: 2 de julho
O bom e velho RTW. Simples, rápido e direto! E mods, mods por todo lugar.
Análises mais úteis  Nos últimos 30 dias
1 de 1 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
56.1 horas registradas
Publicada: 5 de agosto
Excelente jogo! Apenas quem não gosta de jogos de estratégia podem vir a não gostar.
As batalhas em alta escala de soldados juntamente com as vozes de comando são emocionantes e o mapa de campanha tem um alto nível estratégico.
Recomendo!!!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
Análises mais úteis  No geral
42 de 42 pessoas (100%) acharam esta análise útil
3 pessoas acharam esta análise engraçada
Recomendado
97.2 horas registradas
Publicada: 24 de abril de 2015
Rome: Total War foi o primeiro game da franquia Total War que tive contato, foi mais um jogo que me foi apresentado pelo meu pai, que era quase tão gamer como eu, no inicio não demonstrei muito interesse, mas apos vê-lo dedicar tanto tempo ao game, decidi dar uma chance ao jogo e me impressionei pela qualidade e imersão que o Rome oferecia.

Em Rome: Total War, não há uma campanha com uma trama e historia, apenas pequenas introduções para contextualizar as campanhas. Basicamente você assume uma das diversas facções presentes no game, com o objetivo de conquistar uma certa quantidade de territórios e/ou derrotar determinada facção rival. As campanhas podem ser customizadas, permitindo editar a duração, os objetivos, a dificuldade e varias outras opções. Na única vez que finalizei uma campanha, escolhi a campanha longo, onde tinha que conquistar cinquenta territórios alem da própria Roma e foi uma longa fornada até conseguir alcançar tal objetivo.

Basicamente Rome se divide em dois modos de jogo, o "modo administrativo/tático" e o "modo de batalha". No primeiro o jogador administra os recursos do império, definindo quais cidades irá evoluir, o movimento das suas tropas, a taxa de imposto em cada cidade, a diplomacia com as facções vizinhas e principalmente qual será o próximo passo em busca da conquista de novos territórios. Nesse modo que o game se diferencia da maioria dos games de estrategia, pois trás muitos elementos e opções que fazem do game não só um jogo de batalhas, mas também um ótimo game de gerenciamento de cidades, uma vez que a população esta sempre à um fio de se rebelar contra o império, principalmente em cidades menos desenvolvidas, fazendo com que o jogador se foque não só em desenvolver o seu exercito, mas o império como um todo, tendo que se preocupar com saneamento, comercio, infraestrutura e economia.

No modo de batalha, o game também impressiona pelos grandiosos exércitos e sua variedade imensa de unidades. Basicamente cada facção tem inúmeras unidades únicas, com diferentes atributos e características, dando ao jogador uma infinidade de opções. Alem disso as batalhas são bem táticas, uma vez que os elementos como o relevo do terreno, vegetação, maquinas de cerco e até mesmo a formação das unidades influenciam no resultado dos confrontos. A prova disso é que mesmo enfrentando um exercito duas e até mesmo três vezes maior é possível se obter a vitoria, dependendo da forma que se posiciona as tropas no terreno e principalmente a forma com que se conduz a batalha.

O game funciona em turno, em cada turno o jogador poderá movimentar as tropas, recrutar novos soldados, construir novas estruturas. O interessante é que as facções inimigas também podem realizar tais ações, surpreendendo o jogador de tempos em tempos com ataques não só contra tropas, mas principalmente contra cidades, buscando conquistar novos territórios. Isso faz com que cada novo turno gere uma expectativa pelo movimento dos inimigos e principalmente faz o jogador ficar atendo e busque planejar os próprios movimentos e prever os dos oponentes.

A dificuldade do game esta atrelado ao modo que o jogador gerencia os inúmeros elementos do game. Admito que tentei finalizar a campanha por diversas vezes, nos inúmeros modos e em variadas dificuldades, porem sempre saia derrotado. Apos assistir as excelentes dicas táticas do canal Seu Digão, percebi que o meu erro era focar muito na parte gerencial do game deixando a parte dos combates de lado, optando muitas vezes pelo auto resolve nas batalhas, isso prejudicava de forma negativa a manutenção do exercito, uma vez que as perdas eram enormes, se comparado com as batalhas resolvidas de forma normal, no mapa e em tempo real. Portanto fica a dica, nunca dê auto resolve em uma batalha, por mais que tenha superioridade numérica perante o exercito inimigo.

Outra característica que me impressionou muito em Rome, é o fato de haver um enorme conteúdo histórico presente no game. De tempos em tempo, conforme os anos avançam, o jogo vai informando o jogador sobre diversos acontecimentos históricos, como a criação da primeira bomba de água, ou grandes tragédias que assolaram a antiguidade, como maremotos, enchentes e erupções vulcânicas. Além disse conforme se explora o imenso mapa, varias maravilhas do mundo antigo podem ser encontras, como a Estatua de Zeus, o Colosso de Rodes e o Farol de Alexandria.

Rome: Total War é um ótimo game de estratégia, que trás uma quantidade incrível de facções, um modo de gerenciamento imersivo e combates extremamente tático e gratificante. Um verdadeiro clássico que é jogado por muitos até hoje, mesmo após dez anos de seu lançamento.

"Em tempos de paz, o sábio está se preparando para a guerra." - Horácio

Informações adicionais:
Nota geral: 09.
Tempo de jogo: Aproximadamente 97 horas, sendo a metade disso em uma unica campanha.
Dificuldade: Alta.
Fica a dica: Nunca dê auto resolve nas batalhas.
Modo de jogo: Singleplayer e multiplayer.
Idioma: |Em inglês, porém com tradução disponível no site GameVicio.
Imagens durante a jogatina: https://steamcommunity.com/id/luishq/screenshots/?appid=4760&sort=newestfirst&browsefilter=myfiles&view=imagewall#scrollTop=0

Análise publicada originalmente no Blog PortoHQ: http://portohq.blogspot.com.br/
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
37 de 37 pessoas (100%) acharam esta análise útil
3 pessoas acharam esta análise engraçada
Recomendado
4.8 horas registradas
Publicada: 3 de fevereiro
A menina dos olhos de todos os amantes de estratégia. O primeiro e mais famoso lançamento da Total War foi uma bomba no gênero de jogo estratégico. Lembro de estar no 2º grau do colégio, jogando Age of Empires II (louvado seja também) e acreditando que o melhor do estilo estava à minha frente. Nunca errei tão feio na vida.

Quando o Rome chegou às lojas MegaMídia e afins, custava nada menos que R$ 100,00! Muito caro pra um piá de ♥♥♥♥♥ como eu que nem trabalhar trabalhava. Chorei rios de pedidos aos meus pais mas eles não compraram. Por fim, movi montanhas até conseguir baixar um pirata, 1 ano depois do lançamento. Mudou minha vida pra sempre.

O Rome revolucionou tudo. Você não mais aguarda em média 40 segundos para criar uma unidade de infantaria e vê-la se deslocando até outras unidades iguais, para formar uma espécie de batalhão, centúria, coorte, tropa ou seja qual agrupamento for. No Rome, você controla unidades inteiras de 80, 100, 120 soldados. Isso mudou tudo. Imagina só: você agora pode recriar batalhas gigantescas como nunca conseguiu antes! Milhares de soldados se enfrentando, gritando e morrendo, e você comanda tudo! Quem nunca assistiu filmes como Cruzada, Gladiador ou Senhor dos Anéis e sonhou, um dia quem sabe, rever aqueles momentos épicos mas com tutela própria? Pra mim, foi mágico.

Dentro do jogo, você quebra a cabeça no mapa estratégico, onde você se sente denovo como naqueles filmes com os caras mexendo as bandeirinhas num mapa estendido na mesa e falando pra onde vai cada exército. Pra mim, de novo, foi extenuante. Administrar as cidades é um papel complicado, ou você a torna um centro militar, com construções específicas para recrutamento em massa, ou você foca em economia e ergue fazendas, mercados, portos e fóruns. Admito que tive muita dificuldade no começo, é tudo tão novo e complicado que sempre se deixa passar muita coisa importante. Nada que com o tempo não se resolva.

Jogar com todas as facções que os caras conseguiram programar na época de Roma é fantástico. Você pode liderar uma das 3 grandes casas de Roma, cada uma com seu objetivo de conquista traçado, e expandir o Império Romano até extrapolar os limites que a História diz. Ou se não, você comanda bárbaros germânicos e gauleses, com unidadaes baratas e numerosas, e alterar o rumo da História de vez, destruindo o grande exército do Senado (um fodendo exército roxo da facção SPQR) e saquear Roma. Você pode também deflagrar-se nas DIFICÍLIMAS guerras entre o Império Seléucida e o Egito, com um leque de unidades gigantesco, o que torna tudo muito mais interessante, difícil, demorado e desafiador. Há também outras tantas facções, com as quais se pode propagar cáos e destruição pelo mundo sem medo de ser feliz.

Acredito sinceramente que seja isso, se falar mais, vai acabar sendo repetitivo. Rome 1 foi um jogo maravilhoso pra mim, e ainda guardo ele com muito carinho na minha biblioteca, instalado, apesar de não jogá-lo mais. Foi o melhor jogo de estratégia que eu já joguei nos meus tempos de Age of Empires e nunca vou esquecer todas as grandes batalhas que eu travei nesse game fantástico da Total War, que a partir de então se tornou a minha empresa de games favorita.

Escrevo isso em Fevereiro de 2016, à talvez 8 ou 9 anos do lançamento do Rome 1. Ele já tá bem velhinho, ultrapassado a muito tempo nos gráficos e na jogabilidade num geral. No entanto, resolvi que ele merecia uma menção honrosa já que foi um jogo que mexeu tanto comigo, e com certeza me fez mais feliz em todos os momentos que me diverti com ele.

Realmente gosto e recomendo à todos que ainda não o tem. Hoje deve estar baratinho. Vale 500% à pena.

Nota INFINITO/10

É isso.

Forte abraço.

Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
24 de 26 pessoas (92%) acharam esta análise útil
Recomendado
47.3 horas registradas
Publicada: 14 de fevereiro de 2014
Ótimo jogo de estratégia, melhor que muitos atuais hoje em dia, e olha que já faz uns 10 anos que sa♥♥♥♥♥ foi lançada!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
21 de 23 pessoas (91%) acharam esta análise útil
2 pessoas acharam esta análise engraçada
Recomendado
54.1 horas registradas
Publicada: 4 de dezembro de 2014
Vámos lá,

Vamos começar pelo objetivo do jogo, que basicamente é tomar a cidade de ROMA, onde se localiza o senado romano, que é um grande objeto no seu gameplay, pois ele vai ter dar missões e vai recompensa-lo, além de você ganhar uma moral com os senadores, e poder conquistar algum cargo no senado.

Ok, explicado o objetivo do jogo, vamos para o gameplay, nosso gameplay basicamente é na tela de campanha, onde você posiciona tropas, faz algum tratado diplomático com alguma facção, investe em cidades, ordena ataques, espionagem e etc, mas com certeza o modo batalha é que ganha mais destaque, pois você é o GENERAL, do exército, você que vai decidir a estratrégia que vai usar, e o melhor NO seu tempo, sem interferência do jogo, ou seja, no campo de batalha é você contra o inimigo nada além disso, cada um tomando suas decisões que poderam acabar com uma vitória épica ou com uma derrota esmagadora.

Minha nota 10/10, jogo simplesmente perfeito, simples e ao mesmo tempo complexo.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
19 de 20 pessoas (95%) acharam esta análise útil
Recomendado
230.6 horas registradas
Publicada: 21 de dezembro de 2013
Um grande game, divisor de águas entre os jogos de estratégia. Compre.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
13 de 13 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
265.6 horas registradas
Publicada: 26 de fevereiro de 2014
Rome: Total War , simplesmente um excelente jogo de estratégia , O jogo é composto por dois modos distintos de jogo: estratégia por turnos e estratégia em tempo real. Nele o jogador tem a possibilidade de jogar batalhas históricas e fictícias, durante a República Romana e o Império Romano, com diferentes povos, durante o período de 270 a.C. até 14 d.C..
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
10 de 10 pessoas (100%) acharam esta análise útil
1 pessoa achou esta análise engraçada
Recomendado
147.1 horas registradas
Publicada: 27 de julho de 2015
Rome: Total War
PC
"... gerenciar suas tropas, cuidar da diplomacia, construir cidades, e criar uma família forte."

Uma vez vencida a longa campanha, jogadores ganham a opção de controlar inimigos como os gauleses, bretões e cartaginenses. Ao contrário das três famílias, eles oferecem novas unidades. Completando o pacote estão alguns combates históricos para você reviver no conforto do lar. Apesar da maior dificuldade e número de opções, o game é acompanhado de um excelente tutorial, que pode continuar dando dicas na forma de conselheiros durante a partida.

É a complexidade, variedade e realismo de "Rome: Total War" que cativam os fãs do gênero. Esse definitivamente não é um produto para jogadores casuais, mas um dos mais brilhantes títulos em seu nicho. Uma versão mais incrementada e elaborada de uma das séries de maior renome do gênero, a união entre assunto e fórmula de "Rome" é nada menos do que perfeita.

Graficos 8/10
jogabilidade 10/10
esse jogo e tudo de bom cara. :)
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
11 de 13 pessoas (85%) acharam esta análise útil
1 pessoa achou esta análise engraçada
Recomendado
258.3 horas registradas
Publicada: 3 de setembro de 2014
Pontos positivos:
- As batalhas são bem legais e não enjoam, pq sempre tem algo que as tornam diferentes.
- Vc chega a entrar em batalhas com mais de 8000 soldados com pouco ou nenhum lag.
- O mapa tem o mesmo estilo do Civilization 5, bem bonito e inovador pra época em que esse jogo foi feito.
- As músicas são legais.

Pontos negativos:
- A câmera enrosca nos prédios, nos morros e nas árvores, vc pode acabar perdendo uma batalha por causa disso.
- Pra invadir uma cidade murada o jogo te dá algumas ferramentas, e entre elas, uma torre. O problema é que essa torre simplesmente não funciona, não permite q seus soldados subam nela.
- A inteligência artificial deveria se chamar BURRICE artificial. E mesmo quando é vc que está comandando, às vezes suas unidades não obedecem aos comandos, vc manda atacar e elas ficam paradas.
- Os soldados não conseguem subir nas muralhas de jeito nenhum.
- Numa parte mais avançada da campanha, suas cidades começam se rebelar sem motivo nenhum, então vc entra numa rotina de ficar reconquistando as mesmas cidades o tempo todo... deixando o jogo chato. Além de perder muito dinheiro do nada também. O mais bizarro é que rebeldes que nem pertencem a sua facção entram em guerra com vc quando uma cidade sua se rebela.
- Cada cidade precisa ter um governador, o problema é que esses governadores nascem e morrem fazendo com que vc precise ficar deslocando esses caras de um lugar para o outro em quase todos os turnos. E isso é um saco.
- Os rebeldes pedem acordo de paz e no mesmo turno atacam.
- Talvez seja por noobice minha, mas no meu não aparece a expansão "barbarian invasion". Se alguém souber ativar isso por favor me avise.
- Entre outros bugs que não me lembro agora.

Resumindo:
O jogo é bom, vc se diverte e não enjoa fácil. Mas tem MUITO bug! E mesmo ao longo desses mais de 10 anos e expansões feitas, os caras não fizeram nenhum esforço pra consertar os problemas... Compensa comprar pelo preço.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
7 de 7 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
40.3 horas registradas
Publicada: 29 de setembro de 2015
Sem dúvidas um dos melhores jogos de estratégia que já joguei.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada