Set in the shattered subway of a post apocalyptic Moscow, Metro 2033 is a story of intensive underground survival where the fate of mankind rests in your hands. In 2013 the world was devastated by an apocalyptic event, annihilating almost all mankind and turning the earth’s surface into a poisonous wasteland.
Análises de usuários:
Últimas:
Muito positivas (128 análises) - 86% das 128 análises de usuários dos últimos 30 dias são positivas.
Todas:
Muito positivas (15,587 análises) - 92% das 15,587 análises de usuários deste jogo são positivas.
Data de lançamento: 15/mar/2010

Inicie a sessão para adicionar este item à sua lista de desejos, segui-lo ou dispensá-lo

Indisponível em Português (Brasil)
Este produto não está disponível no seu idioma. Confira a lista de idiomas oferecidos antes de comprar.

Comprar Metro 2033

 

Sobre este jogo

Set in the shattered subway of a post apocalyptic Moscow, Metro 2033 is a story of intensive underground survival where the fate of mankind rests in your hands.

In 2013 the world was devastated by an apocalyptic event, annihilating almost all mankind and turning the earth’s surface into a poisonous wasteland. A handful of survivors took refuge in the depths of the Moscow underground, and human civilization entered a new Dark Age.

The year is 2033. An entire generation has been born and raised underground, and their besieged Metro Station-Cities struggle for survival, with each other, and the mutant horrors that await outside.

You are Artyom, born in the last days before the fire, but raised Underground. Having never ventured beyond your Metro Station-City limits, one fateful event sparks a desperate mission to the heart of the Metro system, to warn the remnants of mankind of a terrible impending threat. Your journey takes you from the forgotten catacombs beneath the subway to the desolate wastelands above, where your actions will determine the fate of mankind.

Key Features


  • Metro 2033 is a gripping, atmospheric first person shooter experience powered by cutting edge technology, featuring full DX10 and NVIDIA PhysX support for high-end gaming PCs, to deliver incredible visuals
  • Witness the everyday horrors of a broken society living in constant fear
  • Brave the darkness of the tunnels, where mutants hunt their prey and ghostly spirits lurk
  • Explore the desolate city-surface, trusting your gas mask and rifle to protect you from a poisoned world and the creatures that roam there
  • Steel your nerve and prepare to face the terrors that await

Based on the internationally bestselling novel series by Dmitry Glukhovsky

Requisitos de sistema

    Minimum:
    • OS: Windows XP, Vista, or 7
    • Processor: Dual core CPU (any Core 2 Duo or better)
    • Memory: 1GB RAM
    • Graphics: DirectX 9, Shader Model 3 compliant graphics cards (GeForce 8800, GeForce GT220 and above)
    • DirectX®: DirectX 9.0c
    Enabling 3D Vision:
    Metro 2033 utilizes NVIDIA 3D Vision with compatible cards and hardware. To play Metro 2033 in 3D you will require:
    • NVIDIA GeForce GTX 275 and above recommended
    • A 120Hz (or above) monitor
    • NVIDIA 3D Vision kit Microsoft Windows Vista or Windows 7
    Recommended:
    • Processor: Any Quad Core or 3.0+ GHz Dual Core CPU
    • Memory: 2GB RAM
    • Graphics: DirectX 10 compliant graphics card (GeForce GTX 260 and above)
    • DirectX®: DirectX 10 or higher
    Optimum Requirements:
    • Processor: Core i7 CPU
    • Memory: 8GB RAM or higher
    • Graphics: NVIDIA DirectX 11 compliant graphics card (GeForce GTX 480 and 470)
    • DirectX®: DirectX 11
Análises de usuários
Sistema de análises de usuários atualizado! Saiba mais
Últimas:
Muito positivas (128 análises)
Todas:
Muito positivas (15,587 análises)
Últimas análises
| VoxGhost | CSGORage.com |
0.3 hrs
Publicada: 26 de agosto
Produto recebido de graça
Jogo muito bom!!!!
Lukimaster
0.2 hrs
Publicada: 17 de agosto
Produto recebido de graça
Jogão! belo enredo !
Er3mits
11.4 hrs
Publicada: 13 de agosto
Produto recebido de graça
Jogo bom demais, a temática, o visual, o roteiro do jogo. Tudo ♥♥♥♥ pra caramba, da de 10 a 0 em alguns jogos lançados hoje, 6 anos depois.
SpAwN
37.3 hrs
Publicada: 5 de agosto
Esse game não é pra todo mundo... tem uma excelente história, que não é bem contada. O ritmo do jogo é lento, existem varias transições entre as missões e boa parte delas são apenas de diálogos. Eh um game bem escuro com uma belíssima ambientação pós-apocalíptica. Game de 2010 com visual que impressiona ainda hoje (2016). Porem é um game pesado e mal otimizado. Carregado de bugs, alguns até que te impedem de progredir na história.

Se tivesse uma opção "neutra" na steam essa seria a minha escolha. O game não merece um "não remocmendo". É um otimo game apesar das limitações e problemas contidos.
Perébinha007
1.2 hrs
Publicada: 30 de julho
esse jogo e um exemplo de empresa com valor nos sentimentos!
WesleyLL
6.8 hrs
Publicada: 21 de julho
Produto recebido de graça
Jogo muito bom uma das melhores campanhas que já joguei esse jogo é ♥♥♥♥ hehehehe
Walvi
1.2 hrs
Publicada: 21 de julho
òtimo jogo.
Papa Franku
1.2 hrs
Publicada: 19 de julho
Produto recebido de graça
Fu ♥♥♥ game
Nava
33.4 hrs
Publicada: 16 de julho
Muito bom.
Análises mais úteis  Nos últimos 30 dias
1 de 1 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
0.3 horas registradas
Publicada: 26 de agosto
Produto recebido de graça
Jogo muito bom!!!!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
Análises mais úteis  No geral
47 de 49 pessoas (96%) acharam esta análise útil
Recomendado
47.7 horas registradas
Publicada: 26 de novembro de 2013
Uma palavra para descrever esse jogo: I-N-C-R-Í-V-E-L. O jogo conta a história de um jovem de 20 anos que tenta sobreviver numa Moscou pós-apocalíptica. Umas das coisas que me surpreenderam, pude notar logo no início: o jogo não é centrado. A história pode ser resumida em um jovem, Artyom, que tem a missão de buscar ajuda para a sua estação na “capital” do sistema de metrô, depois que uma guerra nuclear fez toda a população russa fugir para os túneis do metro. A história pode parecer linear, um shooter comum, um clichê. Mas é? Depende. Assim como Far Cry 2, as suas ações refletem no que acontece durante o jogo. A diferença é que neste jogo, suas decisões refletem mais explicitamente do que em FC2. Dar uma bala (que é o dinheiro do jogo) á um mendigo, pode te levar á um outro caminho ao final do jogo. Em relação á história principal, você pode tanto virar um “Ranger”, ou você pode tentar entender o real significado dos antagonistas e o que eles querem. Você pode virar um Ranger assim como Hunter ou seguir as doutrinas de Khan.

Confesso que na primeira vez, assim como a maioria das pessoas, não refleti minhas ações. Segui o que mandaram que eu fizesse. No final, obtive o “final ruim” (mas que ainda me rendeu uma conquista). Fiquei sabendo do outro final, e decidi prestar mais atenção ao jogo. Em minha segunda jogatina, percebi praticamente um segundo enredo COMPLETO no mesmo jogo. Dessa vez, consegui o outro final e entendi por completo a história do jogo, que me parecia confusa na primeira vez. O jogo pode ser interpretado como survival horror, mas ao meu ponto de vista é mais uma história de drama do que um shooter com monstros. Existem monstros? Sim, mutantes (e eles dão muitos sustos). Mas esse não é o principal foco do jogo. Se você prestar atenção aos mínimos detalhes, á cada frase que cada personagem diz, verá que realmente o enredo é espetacular.

A física do jogo é boa, mas não espetacular (nunca testei com PhysX mesmo, minha placa não aguenta). Os gráficos e texturas são bons também. O arsenal não é longo, mas é variado, com opções de anexos como miras e silenciadores, além de dinamites. Existe ainda óculos de visão noturna e máscara de gás. As partes da superfície com a máscara de gás são MUITO inovadoras. Você sobrevive até acabar seu oxigênio. Assim que ele acaba, começa a respirar rapidamente em busca de ar, e sua visão começa a ficar turva. Até achar um novo filtro de ar, isso pode significar sua morte. E não é só isso! Mutantes quebram sua máscara. Se eles o fizerem, o oxigênio escapará e a máscara não terá efeito. Isso é fantástico.

Para quem gosta de um bom enredo (considerando que existem dois finais), o jogo agradará. E muito.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
33 de 34 pessoas (97%) acharam esta análise útil
Recomendado
8.2 horas registradas
Publicada: 20 de junho de 2015
Já conheço esse jogo desde a época que jogava no Xbox 360, mas ele nunca me chamou a atenção. Desde que eu migrei para o PC eu o tenho em minha biblioteca, mas só por agora eu resolvi joga-lo. O jogo me deixou bastante tenso do começo ao fim, pelo simples fato do protagonista usar uma máscara respiratória, visto que eu gosto muito de explorar cada cenário o máximo possível e a respiração do personagem me deixava muito angustiado, me fazia acelerar o tempo todo e isso foi uma coisa boa. O jogo tem uma interface e uma mecânica muito ultrapassada (certamente a versão redux deve estar melhor nesse aspecto), o que me deixava bem limitado. A minha parte favorita do jogo todo é a história e o personagem (Artyom) a maneira que os eventos acontecem e a maneira que o protagonista narra sua trajetória me encantou muito e me motivou a fechar o jogo. Metro tem uma temática muito explorada hoje em dia, o tão famoso pós apocalipse, e mesmo assim conseguiu brilhar por si só.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
36 de 39 pessoas (92%) acharam esta análise útil
Recomendado
33.2 horas registradas
Publicada: 28 de outubro de 2014
Esse jogo é muito bom galera, graficos muito bonitos mesmo sendo de 2010, jogabilidade bem realista, e os controles atendem bem os movimentos, com uma mistura de ação frenetica, suspense, e um pouco de stealth, jogo muito bom mesmo recomendo... 10/10
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
35 de 40 pessoas (88%) acharam esta análise útil
Recomendado
20.9 horas registradas
Publicada: 28 de dezembro de 2013
Metro 2033 é um FPS com a abordagem de um cenário pós-apocalíptico. O tema é profundo e explorado em cada detalhe ao decorrer da trama, e isso faz com que o jogador esteja realmente na pele de Artyon (protagonista) e toda a humanidade que ainda resta.

Sua história pode ser levemente confusa se não perceber uns poucos detalhes, mas é realmente muito boa. A união dela com personagens bem criados, faz com que toda a experiência seja satisfatória.

Sua jogabilidade é simples como a maioria dos FPS, mas pode ser desafiadora, fazendo com que você aprenda a usufruir mais das artes do 'stealth'. Em dificuldades elevadas a munição se torna muito mais rara e por consequência valiosa (para o jogador). Essa ideia de 'sobreviência' é com certeza outro ponto positivo do jogo.

A inteligência artificial dos inimigos é muito boa, sendo extremamente inteligentes e perceptíveis, possuindo uma alta capacidade de identificar ruídos e qualquer ação que envolva algum barulho. São realmente partes do grande desafio nas dificuldades altas, e mesmo nas mais baixas, não chegam a se tornam inimigos estúpidos.

Essa é com certeza uma grande oportunidade para todos os tipos de jogadores, desde os mais 'casuais' até os que procuram um real desafio em algum game.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
25 de 26 pessoas (96%) acharam esta análise útil
3 pessoas acharam esta análise engraçada
Recomendado
13.8 horas registradas
Publicada: 9 de janeiro de 2015
Jogaço. Soube trabalhar um tema clichê (futuro apocalítico, pós guerra nuclear) de uma forma muito inteligente. A história é muito densa. O jogo em si é denso, claustrofóbico. Tu passa 80% dele embaixo da terra, nas linhas do Metrô, em plena guerra civil, enfrentando commies, nazis, monstros mutantes e enfrentando a própria mente, torturada nessa distopia bizarra.

O jogo é tão filho de uma meretriz que além de te colocar uma munição quase escassa, os inimigos precisam de muita munição para serem abatidos e a moeda do jogo para compras é... munição. Fora que o jogo não tem save a toda hora, e em momentos testa a tua capacidade de passar por lugares sem ser percebido. Tu tem que pensar em poupar máscaras de gás, pq o ar em alguns lugares e do lado de fora da cidade é tóxico. O que eu na maioria das vezes não soube fazer, e xinguei até a tia vó dos produtores.

Prós:
+gráficos muito bons para o ano de lançamento (2010)
+excelente história, com uma imersão gigante
+sensação claustrofóbica, estando abaixo da terra quase o jogo todo
+dificuldade elevada, mesmo no nível normal
+requer estratégia, te dando opção de passar por lugares de várias maneiras
+tem fator replay, pelo final alternativo e achievements

Contras:
-um bocado linear
-apesar da imersão, senti falta dos dialogos diretos do protagonista
-a AI chega a ser maníaca em alguns momentos, te vendo quase pelas paredes
-curto, se você quiser terminar ele rapidamente, leva umas 8h

Super recomendado.
Nota: 9/10

O jogo tem uma versão "redux", que possui gráficos bem melhores, e alguns fixes. Não joguei essa, mas farei futuramente.

Welp, como diz um outro jogo que eu gosto muito, "war... war never changes."
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
18 de 18 pessoas (100%) acharam esta análise útil
1 pessoa achou esta análise engraçada
Recomendado
36.3 horas registradas
Publicada: 23 de dezembro de 2013
Metro 2033 é um dos meus favoritos e desde o primeiro momento que comecei a jogar, simplesmente fiquei impressionado pela qualidade incrível do visual, da atmosfera, do áudio e pela historia em si, que faz uma critica ao ser humano e sua necessidade (autodestrutiva) de poder. Gerando a ideia de que aquilo que o ser humano cria para se proteger, pode ser aquilo que vai leva-lo ao fim de sua existência. Mas, deixando de lado a principal ideia do jogo (a conscientização sobre o poder atômico e as calamidades que uma guerra nuclear podem trazer), vamos agora discutir um pouco sobre este jogo super interessante, que é o Metro 2033.

Diante mão, temos uma pequena introdução que fala da vida no metro depois de uma guerra nuclear, assim como as aberrações e facções que surgiram pouco depois dos acontecimentos descritos na introdução do jogo. O que já cria a ideia, de que mesmo durante o fim do mundo, sempre vai existir a arrogância humana e a luta por ideais diferentes. No caso do Metro, nos deparamos com Nazistas e Comunistas, e você simplesmente vai se encontrar em alguns momentos do jogo, no meio do fogo cruzado entre essas duas facções. E claro, para deixar mais intenso, as duas o consideram inimigo, então, muita calma nessas horas.

Existe uma boa variedade de inimigos, sejam eles monstros, humanos ou de características indefinidas. Metro te oferece um arsenal bem variado de armas, que vai depender realmente do perfil de cada jogador. Sempre existem aqueles que chegam chutando a porta, como existem aqueles que preferem uma aproximação furtiva. E claro, os ninjas que navegam pelo cenário e não são detectados. E Metro, simplesmente te dá essas opções. De acabar com todo mundo, no silêncio ou no barulho, ou simplesmente ser uma sombra e driblar seus inimigos, economizando munição e evitando uma morte prematura. Sem mencionar, que Metro também proporciona varias formas de aproximação, ou seja, a maioria dos cenários são imensos e sempre, sempre terão segredos. Caminhos escondidos, armas abandonadas, segredos esquecidos. E isso simplesmente deixou Metro riquíssimo a nível de exploração.

Sobre a trilha sonora e gráficos... Amigos, existem jogos que estão saindo hoje, e não chegam na poeira da qualidade visual ou de áudio de Metro 2033. É tanto que para rodar esse jogo com uma configuração recomendada, é necessário ter uma maquina a altura. Não é toda maquina que suporta esse jogo em toda sua gloria. A quantidade de detalhes visuais e sonoros não deixa a desejar, e a qualidade da trilha é tão bem escolhida que simplesmente quando bem combinada ao cenário, cria uma imersão quase absoluta.

Este jogo é, e vai continuar sendo, um dos melhores jogos que já joguei.
Metro 2033 - 11/10
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
18 de 19 pessoas (95%) acharam esta análise útil
Recomendado
10.0 horas registradas
Publicada: 31 de julho de 2014
É um jogo de enredo baseado em um livro de um escritor russo. O player assume o papel de Artyon, órfão de 20 anos, que vive em um mundo pós-apocalíptico devido a guerra nuclear. A sobrevivência dos humanos na superfície ficou praticamente impossível devido a radiação. Portanto, muitos vivem em abrigos subterrâneos. Os animais que ficaram na superfície sofreram mutações e muitos se tornaram ameaça direta aos humanos. Além do desafio de viver escondido e ter que sair para a superfície em busca de recursos, existem facções nazistas e comunistas em conflito, e também criminosos pelos túneis do metro.
A saga de Artyon gira em torno do objetivo de salvar a sua estação, onde morava com seu padrasto. Ele tenta alertar os humanos das outras estações sobre a suposta ameaça dos Dark Ones. O jogo tem 2 finais. O que determina o final são suas escolhas ao longo do jogo. Ex: Dar ou não esmola ao mendigo, seguir ou não a prostituta, etc. Mas apesar disso o jogo é linear, muda apenas o final. Claro que apenas um deles é o final verdadeiro, uma vez que temos o Metro Last Light como continuação da história.
A jogabilidade é mais lenta que a maioria dos FPS, mas é boa. A munição é escassa portanto se deve fazer bom uso dela. O jogo alterna partes de ação com partes de puro diálogo ou apenas "andança". Existem capítulos que o jogador não faz praticamente nada, apenas acompanha outro personagem e os diálogos. Quem não entende inglês e não conhece a história de Metro 2033 vai jogar por jogar e em muitos casos não vai saber nem o que está procurando. Não é um "típico FPS", é um jogo muito focado na história e na ambientação.
Os gráficos são muito bons. Os cenários são muito detalhados, dificultando muitas vezes ver o óbvio. As sons e a ambientação são muito bons e coerentes com o contexto.
Recomendo pra quem gosta de jogos de enredo, e se não for bom no inglês é só procurar um resumo de Metro 2033 na internet que vai ajudar muito a entender os acontecimentos do jogo.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
15 de 16 pessoas (94%) acharam esta análise útil
Recomendado
13.0 horas registradas
Publicada: 29 de janeiro de 2014
Com um excelente enredo, Metro 2033 nos trás uma experiência pós-apocaliptica diferenciada, e desta vez sem zumbis. É um jogo de tiro com elementos de survival horror ambientado 20 anos após uma guerra nuclear que assolou a Rússia, fazendo com que alguns poucos sobreviventes se refugiassem nas estações de metrô construídas no subsolo, o que transformou cada estação em uma espécie de cidade soberana.

Vinte anos se passaram e as criaturas do exterior, expostas a radiação por todo este tempo, se adaptaram as novas condições e se multiplicaram em grandes números, tornando-se cada vez mais agressivas. As estações de metrô, tidas como abrigo para o que restou dos humanos, estavam caindo uma a uma, e é aí que entra a preocupação de Artyom, o protagonista do jogo, já que sua estação havia sido atacada, e as defesas não aguentariam por muito tempo. Artyom então parte em busca de ajuda, rumo a uma das estações aliadas, Polis, a maior e mais prospera estação de todas.

Durante sua busca, deverá enfrentar não só os mutantes, mas também humanos de estações marcadas por ideologias extremistas, além de eventos metafísicos, que até então você não saberá a causa. O jogo conta com dois finais, mas provavelmente você não terá chance de escolher qual dos dois verá na primeira jogada, pois quando perceber o que deveria ter feito, será tarde demais.

O jogo conta com uma atmosfera de tensão impressionante, causada por elementos como a escassez de recursos, batalhas intensas com numerosos inimigos, e a clima de tristeza e desilusão que paira entre as pessoas em geral. No entanto, entre as conversas que pode se ouvir pelas estações afora, percebe-se que alguns mantém viva a esperança de algum dia acordar deste pesadelo.

Os gráficos do jogo são realmente muito bonitos com cenários ricos e muito bem feitos, mas há uma coisa que pode incomodar e é justamente as feições muito semelhantes de diversos personagens, o que torna difícil identificar qual é qual. O áudio também é ótimo, e contribui amplamente para incrementar a imersão. O jogo não trás aquelas trilhas sonoras apelativas, que poderiam aumentar consideravelmente o nível de tensão do jogador, mas ainda sim, o jogo te dará alguns sustos!

Algo que achei bem legal no jogo é a importância dada a máscara e o cuidado que devemos ter com ela, seja para que não seja danificada durante os combates ou fique sem filtros para manter a filtragem de ar funcionando nas fases em que vamos à superfície.

De ruim podemos citar a forma genérica como são descritos os objetivos, que as vezes te deixa meio sem saber o que fazer. Alguns momentos você fica perdido vagando entre hordas infindáveis de inimigos até descobrir o que tem que fazer.

Tentar stealth também é complicado, já que só vai conseguir se passar a fase toda sem matar ninguém. Se matar qualquer um, mesmo com faca ou arma silenciada, e mesmo se estiver em algum local que os outros não vejam o corpo, todos saberão o que você fez e irão te atacar.

Há também algumas incongruências causadas por excesso de linearidade, como por exemplo, existe uma fase na biblioteca em que temos que abrir uma porta pra nossos companheiros passarem. É uma porta de madeira comum, assim como todas as outras, mas devemos realizar determinada ação para que isso seja feito, sendo que as outras idênticas quebrei com a baioneta da minha arma...

Não obstante estes pequenos detalhes, Metro 2033 é um grande jogo, que comete sim alguns pecados, mas consegue manter alto nível de qualidade, com uma trama refinada e um nível de imersão que compensa seus pequenos deslizes. MUITO BOM (8/10).
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
13 de 13 pessoas (100%) acharam esta análise útil
1 pessoa achou esta análise engraçada
Recomendado
19.8 horas registradas
Publicada: 13 de setembro de 2015
Confesso que subestimei este jogo por ter adquirido-o de graça em uma das Bundles da Indie Gala.

O Jogo começa praticamente no Final, mas sem dar spoiler algum, você não entenderá nada, e depois de alguns eventos, a história volta realmente no começo.

Você está na pele de Artyom, um sobrevivente à uma guerra que deu fim a Moscow (Provavelmente o resto do mundo também, não citado no jogo.), com ogivas nucleares a cidade se transformou em ruínas. Os sobreviventes se abrigam nos Metrôs, Motivo: A superficie ficou radiotiva e está infestada de monstros e Anomalias, dentre essas estão; Os Demons, os Lurkers, os fantasmas, as "Anomalias", as Amoebas gigantes, os Nosalises (Que são os inimigos monstros que mais aparecem), os Librarian, e os Dark Ones(Que são o motivo da história de Artyom ter começado)[A Maioria desses inimigos também aparece nos Metrôs].

Vamos a Historia:

Artyom era só mais um Sobrevivente à guerra, que residia em uma das estações de metrô, que estava sofrendo constantes ataques dos Dark Ones, Hunter então decide investigar sobre eles e a causa de seus ataques, após descobrir seus interesses Hunter dá então a responsabilidade de chegar a Polis( Centro do metrô) e avisar as outras estações sobre os seus interesses.

Como se monstros e Anomalias não fossem o suficiente, os metrôs sofrem de uma disputa politica entre Nazistas, Comunistas e Saqueadores, que interferem Artyom em sua Jornada à Polis.

O Resto seria Spoiler e eu não gostaria de Atrapalhar suas jornadas

NOTA FINAL

8.5

O jogo foi todo(Ou parcialmente) baseado em um Livro de Dmitriy Glukhovskiy[Ainda não adquiri o livro, mas pretendo]

Eu não te recomendaria esta versão se você gostaria de alguma coisa "Mais Nova", caso queira, Adquira a versão remasterizada; Metro 2033 Redux.

Pessu perda1 pur errols de Grantica
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada