Sid Meier's Civilization IV: Warlords é o primeiro pacote de expansão para o jogo premiado que se tornou uma febre mundial instantânea. Fazendo homenagem a alguns dos grandes lideres militares da história, a expansão traz seis cenários únicos e interessantes, dando aos jogadores a chance de mudar o rumo da história com a ajuda da nova e...
Análises de usuários:
Todas:
Muito positivas (78 análises) - 85% das 78 análises de usuários deste jogo são positivas.
Data de lançamento: 24/jul/2006

Inicie a sessão para adicionar este item à sua lista de desejos, segui-lo ou dispensá-lo

Indisponível em Português (Brasil)
Este produto não está disponível no seu idioma. Confira a lista de idiomas oferecidos antes de comprar.
Observação: Civilization IV®: Warlords requires the Steam version of Sid Meier's Civilization IV to buy.

Comprar Sid Meier's Civilization IV: Warlords

Pacotes que incluem este jogo

Comprar Sid Meier's Civilization IV: The Complete Edition

Inclui 4 itens: Civilization IV: Beyond the Sword, Civilization IV®: Warlords, Sid Meier's Civilization IV: Colonization, Sid Meier's Civilization® IV

 

Sobre este jogo

Sid Meier's Civilization IV: Warlords é o primeiro pacote de expansão para o jogo premiado que se tornou uma febre mundial instantânea. Fazendo homenagem a alguns dos grandes lideres militares da história, a expansão traz seis cenários únicos e interessantes, dando aos jogadores a chance de mudar o rumo da história com a ajuda da nova e poderosa unidade, o "chefe militar". Civ IV: Warlords inclui novas civilizações, líderes, unidades e maravilhas que oferecem aos jogadores maneiras ainda mais divertidas e empolgantes de expandirem o poder militar das suas civilizações enquanto lutam pela dominação do mundo.
  • Chefes militares: um novo tipo de grande pessoa chamado de chefe militar.
  • Estados vassalos: conquiste um inimigo e subjugue-o às suas regras.
  • Cenários de jogo: a expansão traz oito cenários.
  • Novas civilizações: o pacote fornece seis novas civilizações e unidades únicas associadas.
  • Lideres de civilização: 10 novos líderes, incluindo líderes para as novas civilizações assim como líderes adicionais para as já existentes.
  • Traços de líder: dois novos traços de líder.
  • Novas maravilhas: três novas maravilhas.
  • Construções únicas: cada civilização tem uma nova construção única assim como a sua unidade única.
  • Novas unidades, recursos e melhorias: vários itens novos são apresentados ao longo dos cenários .
  • Novas adições a mecânica do jogo principal: expansão nos recursos e ajustes na jogabilidade do jogo principal.
  • Correções e melhorias no jogo após o lançamento: o pacote contém todas adições e correções do jogo (pit boss, etc.) que foram lançadas até agora para Sid Meier's Civilization IV.

Requisitos de sistema

Windows
Mac OS X
    Minimum: 1.2GHz Intel Pentium 4 or AMD Athlon processor or equivalent, 256MB RAM, 64 MB Video Card w/Hardware T&L (GeForce 2/Radeon 7500 or better), DirectX 9.0c compatible sound card, 1.7 GB of free hard drive space, Direct X 9.0c (included)
    Recommended: 1.8GHz Intel Pentium 4 or AMD Athlon processor or equivalent/better, 512 MB RAM, 128 MB Video Card w/ DirectX 8 support (pixel and vertex shaders), DirectX 9.0c compatible sound card, 1.7GB of free hard drive space, DirectX 9.0c (included)
    SUPPORTED OPERATING SYSTEMS:
    Windows 2000 (plus Service Pack 1 or higher), Windows XP (Home or Professional) (plus Service Pack 1 or higher)
    *Requires Sid Meier's Civilization IV to play
    Recommended:
    • OS: Mac OS X 10.4, 10.5, and 10.6
    • Processor: PowerPC G5 or Intel
    • CPU Speed: 2.0 GHz
    • Memory: 1GB or higher
    • Hard Disk Space: 3.5 GB free disk space
    • Video Card: (ATI): Radeon 9600 Video Card (NVidia): GeForce FX 5200
    • Video Memory: (VRam): 128 MB
    • Multiplayer: Internet (TCP/IP) and LAN (TCP/IP) play supported. Internet play requires broadband connection.
    • Media Required: CD Drive
    • NOTICE: Apple original CPU’s only, CPU upgrades not supported.
    • NOTICE: Intel integrated video chipsets (GMA 950) are not supported. Supported Video cards: NVIDIA GeForce 5200, 6600, 6800, 7300, 7800 ATI Radeon 9600, 9650, 9700, 9800, X600, X800, X1600, X1900
    • REQUIRED: FULL VERSION OF Civilization IV for Mac OS X TO PLAY
Análises de usuários
Sistema de análises de usuários atualizado! Saiba mais
Todas:
Muito positivas (78 análises)
Últimas análises
Thiago
8.8 hrs
Publicada: 1 de dezembro de 2015
Malditos Países


Um game que me surpreendeu, odeio games de estratégia por turnos, mas esse.. whow cara, você começa com colonos e funda a sua primeira cidade, vai produzindo alimento para a população e riquezas, e uma das coisas importantes é produzir cultura, com isso seu território vai se expandindo e assim, dominando boa parte do coninente no qual você habita, logo vai aparecendo novas civilizações, que normalmente são neutras em relação ao seu relacionamento com elas, mas as vezes acontece uns desintendimentos, o que não é muito bom, um dia estava jogando e evoluindo minha civilização muito produtivamente positiva no quesito alimento e riquezas, até que uma civilização inútil, a qual fazia parte do continente em que eu residia, me ofereceu uma oferta absurda, queria 1/3 do meu ouro por uma quantidade estúpida de tinta, mandei ele se fhuder e voltei a seguir minha vida, 5 anos mais tarde eu declarei guerra com essa civilização, aquela oferta foi um insulto à inteligência da minha nação, mas claro, antes de declarar guerra eu fui criando unidades militares e distribuindo-as estrategicamente pelo mapa, ai sim que fui declarar guerra, mas, uma coisa inesperada aconteceu, algo que não estava nos meus planos de destruir aquele fd.p, um parceiro dele que também residia no nosso continente se uniu a ele, resultado.... tive que guerrear com 2 países, mas a minha sorte é que eu tinha tecnologia mais avançada que eles, como por exemplo, aviação, bombardeei tudo que era cidade e fazenda deles, muitas pessoas morreram, muito sangue derramado, eu estava desesperado, economia do meu país caiu 46% e as cidades começavam a ficar estagnadas, ae eu tive a idéia de investi toda a verba de pesquisas em um projeto chamado "manhattan" no qual eu criaria a primeira bomba nuclear, os que se dedicaram à esse projeto não poderia parar 1 minuto sequer, trouxeram suas famílias e ficaram na base pesquisando e trabalhando nesse projeto, se por acaso eles saissem, eles e as familias dos mesmos morreriam, por que eu não tolero esse tipo de atitude, levou muitos anos para concluir essa pohrra de projeto, eu ja não aguentava mais guerrear com aqueles idio.tas, até que o projeto foi concluído, com ele, criei 4 bombas nucleares, as quais joguei nos 2 países nos quais eu estava em guerra, o poder da bomba foi tão avassalador que eles se renderam no turno seguinte, não aceitei, e tirei aquelas 2 civilizações inúteis do mapa, experei poeira baixar e tomei o espaço no qual eles residiam para minha nação, virei a nação mais poderosa daquela poha de mundo e fechei meu jogo e fui assistir minhas séries piratas que tinham acabado de baixar, sem mais.


10/10 Dizimaria eles de novo.
Vulcano
27.8 hrs
Publicada: 3 de fevereiro de 2015
Expansão bem legal com várias adições de conteúdo a um jogo que já era excelente. As minhas preferidas são:

  • Líder militar: dá pra evoluir uma unidade, deixando-a muito mais forte do que outras do mesmo tipo, ou usar em uma cidade pra dar algumas vantagens à unidades militares construídas lá.
  • Estados vassalos: cria uma dinâmica de civilizações mais fracas se protegerem com mais fortes, que te faz pensar duas vezes antes de sair conquistando quem está mal no jogo.
  • Cenários: São vários cenários na expansão, mas o destaque vai para o dos Bárbaros (sim, você joga com os Bárbaros, vingança por todas as mortes que eles já sofreram nas nossas mãos) e para o dos Mongóis, que é super legal para quem já leu a série "O Conquistador" de Conn Igulden.

Fora uma série de pequenas melhorias que conseguiram a proeza de deixar Civ IV ainda melhor. Vale a pena!
Mestre
32.0 hrs
Publicada: 8 de julho de 2014
A ideia de assumir o comando de uma civilização desde os primórdios em 4000 a.C. até a era contemporânea (ou além) é sensacional. Há vários modos diferentes de obter a vitória, e o espaço de decisão e possibilidades em cada turno é imenso. Você tem que administrar vários aspectos do império de acordo com seu objetivo de vitória: religião, política, infraestrutura, economia, relações com outras civilizações, produção e posicionamento de tropas, produção científica e até produção cultural. Embora é só um jogo, i.e. uma atividade lúdica muito longe da realidade de administrar um império, aprendi muito da história do mundo real através da enciclopédia embutida no jogo (Civilopedia). Tudo no jogo é perfeito: o gameplay, as animações dos Civs, a música, e claro, a narração do Leonard Nimoy a cada descoberta tecnológica. Difícil parar de jogar. Queria me iludir com o "só mais um turno..."
Bremenkampf
1.4 hrs
Publicada: 16 de março de 2014
Good expansion!
Análises mais úteis  No geral
8 de 8 pessoas (100%) acharam esta análise útil
3 pessoas acharam esta análise engraçada
Recomendado
8.8 horas registradas
Publicada: 1 de dezembro de 2015
Malditos Países


Um game que me surpreendeu, odeio games de estratégia por turnos, mas esse.. whow cara, você começa com colonos e funda a sua primeira cidade, vai produzindo alimento para a população e riquezas, e uma das coisas importantes é produzir cultura, com isso seu território vai se expandindo e assim, dominando boa parte do coninente no qual você habita, logo vai aparecendo novas civilizações, que normalmente são neutras em relação ao seu relacionamento com elas, mas as vezes acontece uns desintendimentos, o que não é muito bom, um dia estava jogando e evoluindo minha civilização muito produtivamente positiva no quesito alimento e riquezas, até que uma civilização inútil, a qual fazia parte do continente em que eu residia, me ofereceu uma oferta absurda, queria 1/3 do meu ouro por uma quantidade estúpida de tinta, mandei ele se fhuder e voltei a seguir minha vida, 5 anos mais tarde eu declarei guerra com essa civilização, aquela oferta foi um insulto à inteligência da minha nação, mas claro, antes de declarar guerra eu fui criando unidades militares e distribuindo-as estrategicamente pelo mapa, ai sim que fui declarar guerra, mas, uma coisa inesperada aconteceu, algo que não estava nos meus planos de destruir aquele fd.p, um parceiro dele que também residia no nosso continente se uniu a ele, resultado.... tive que guerrear com 2 países, mas a minha sorte é que eu tinha tecnologia mais avançada que eles, como por exemplo, aviação, bombardeei tudo que era cidade e fazenda deles, muitas pessoas morreram, muito sangue derramado, eu estava desesperado, economia do meu país caiu 46% e as cidades começavam a ficar estagnadas, ae eu tive a idéia de investi toda a verba de pesquisas em um projeto chamado "manhattan" no qual eu criaria a primeira bomba nuclear, os que se dedicaram à esse projeto não poderia parar 1 minuto sequer, trouxeram suas famílias e ficaram na base pesquisando e trabalhando nesse projeto, se por acaso eles saissem, eles e as familias dos mesmos morreriam, por que eu não tolero esse tipo de atitude, levou muitos anos para concluir essa pohrra de projeto, eu ja não aguentava mais guerrear com aqueles idio.tas, até que o projeto foi concluído, com ele, criei 4 bombas nucleares, as quais joguei nos 2 países nos quais eu estava em guerra, o poder da bomba foi tão avassalador que eles se renderam no turno seguinte, não aceitei, e tirei aquelas 2 civilizações inúteis do mapa, experei poeira baixar e tomei o espaço no qual eles residiam para minha nação, virei a nação mais poderosa daquela poha de mundo e fechei meu jogo e fui assistir minhas séries piratas que tinham acabado de baixar, sem mais.


10/10 Dizimaria eles de novo.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
2 de 2 pessoas (100%) acharam esta análise útil
Recomendado
27.8 horas registradas
Publicada: 3 de fevereiro de 2015
Expansão bem legal com várias adições de conteúdo a um jogo que já era excelente. As minhas preferidas são:

  • Líder militar: dá pra evoluir uma unidade, deixando-a muito mais forte do que outras do mesmo tipo, ou usar em uma cidade pra dar algumas vantagens à unidades militares construídas lá.
  • Estados vassalos: cria uma dinâmica de civilizações mais fracas se protegerem com mais fortes, que te faz pensar duas vezes antes de sair conquistando quem está mal no jogo.
  • Cenários: São vários cenários na expansão, mas o destaque vai para o dos Bárbaros (sim, você joga com os Bárbaros, vingança por todas as mortes que eles já sofreram nas nossas mãos) e para o dos Mongóis, que é super legal para quem já leu a série "O Conquistador" de Conn Igulden.

Fora uma série de pequenas melhorias que conseguiram a proeza de deixar Civ IV ainda melhor. Vale a pena!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
Recomendado
1.4 horas registradas
Publicada: 16 de março de 2014
Good expansion!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
Recomendado
32.0 horas registradas
Publicada: 8 de julho de 2014
A ideia de assumir o comando de uma civilização desde os primórdios em 4000 a.C. até a era contemporânea (ou além) é sensacional. Há vários modos diferentes de obter a vitória, e o espaço de decisão e possibilidades em cada turno é imenso. Você tem que administrar vários aspectos do império de acordo com seu objetivo de vitória: religião, política, infraestrutura, economia, relações com outras civilizações, produção e posicionamento de tropas, produção científica e até produção cultural. Embora é só um jogo, i.e. uma atividade lúdica muito longe da realidade de administrar um império, aprendi muito da história do mundo real através da enciclopédia embutida no jogo (Civilopedia). Tudo no jogo é perfeito: o gameplay, as animações dos Civs, a música, e claro, a narração do Leonard Nimoy a cada descoberta tecnológica. Difícil parar de jogar. Queria me iludir com o "só mais um turno..."
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada