Deal another deadly blow to fascism!
Análises de usuários:
Todas:
Ligeiramente positivas (249 análises) - 73% das 249 análises de usuários deste jogo são positivas.
Data de lançamento: 22/jul/2008

Inicie a sessão para adicionar este item à sua lista de desejos, segui-lo ou dispensá-lo

Comprar Ubersoldier II

PROMOÇÃO DE FÉRIAS! A oferta acaba em 4 de julho

-90%
$9.99
$0.99
 

Sobre este jogo

A tightly knit group of SS generals and officers, involved in the most heinous
and dark deeds, is seeking a way to save the remnants of the Third Empire. They
have conspired to move the leaders of the Reich, together with precious resources
and classified equipment, to a remote hideout in the Tibetan mountains.

Features:

Full multiplayer through LAN and Internet with up to 16 players.

21 weapons, including look-alikes of “Luger Parabellum”, “Tommy Gun”, MG-42, BAR and Panzerschreck.

Dozens of types of brutal enemies, including armor valkyries and telekinetic mutants.

RPG features, including special abilities and accumulation of experience.

Requisitos de sistema

    Mínimos:
    • SO: Windows XP sp2 or Vista
    • Processador: Pentium IV 2,8 GHz or AMD Athlon 2800+
    • Memória: 1024 MB de RAM
    • Placa de vídeo: GeForce FX 5900, Radeon 9600 or higher
    • DirectX: Versão 9.0c
    • Armazenamento: 6 GB de espaço disponível
Análises de usuários
Sistema de análises de usuários atualizado! Saiba mais
Todas:
Ligeiramente positivas (249 análises)
Últimas análises
Destroyer #road2pro
( 1.6 horas registradas )
Publicada: 25 de junho
10/10 better than infinite warefare
the spanish inquisition
( 7.3 horas registradas )
Publicada: 27 de maio
I agree with some reviews that its soo horrble thats its great. Too bad the game froze and the tray minimized when I reached the train chapter. Therefore I cannot recommend. Luckily I got this game on the cheap or I would be ♥♥♥♥♥♥ off severly right now
Obey the Fist!
( 0.2 horas registradas )
Publicada: 20 de maio
It's very difficult to give Ubersoldier II a thumbs down, because it comes very very close to the mark.

While the game is now several years old, the graphics are perfectly adequate, and like all good PC games comes with a variety of performance tuning options and support for PC hardware unthought of when the game was conceived - it runs smoothly in 4K with FSAA enabled on a modern system. Absolute kudos to the developers for a fine technical execution.

Unfortunately the gameplay is problematic - while the premise of the game, matched up with smooth gameplay, would make this game a clear winner, the handling is quite clunky - machine guns aren't accurate, fine, but when I got a rifle and could shoot enemies easily, I found it takes about three direct headshots to kill the average Nazi. No wonder the allies had a hard time in WW2! The clunkiness of the gameplay detracts from what would have made a worthy competitor to Wolfenstein.
Shadow Ops
( 5.4 horas registradas )
Publicada: 14 de maio
Ubersoldier II
fast game with modern day graphics with easy controls that moves from location A to B to C and so on,
good amount of action and special effects

good game.
|LOD|H8MyBoss*
( 1.0 horas registradas )
Publicada: 26 de abril
Awful. AWFUL. AAAAAAWWWWWWWWFUL.

Crap graphics, crap physics, crap AI. Crappy crap crap crap.
Doats
( 0.9 horas registradas )
Publicada: 8 de abril
Wolfenstien's little brother....
Dr.Strangelove
( 7.1 horas registradas )
Publicada: 31 de março
eyy lmao kek i r8 8/8
Minotaur Matt
( 1.1 horas registradas )
Publicada: 30 de março
only buy if cheap other than that not really its ok i setup to use with xbox contoller and had some fun
alanroffers
( 9.6 horas registradas )
Publicada: 12 de março
I have read some of the reviews and think some people must be playing a different game or expect too much! I loved this game! Of course game play and graphics are not going to be up there with new games but overall this was really fun to play! For this sort of money how can anyone complain! They even tried to sex it ip a bit with the ladies curves and what appeared to be scammel wheel nuts poking through their t-shirts! I played in single player mode because I am a sad old man who can't keep up with the youngsters! But even in my sad little world I beat the bad guys hands down! In my view, buy it you won't regret it! Scammel wheel nuts or not!
Análises mais úteis  No geral
12 de 14 pessoas (86%) acharam esta análise útil
1 pessoa achou esta análise engraçada
Recomendado
8.1 horas registradas
Publicada: 23 de outubro de 2014
Se você gosta de jogos como Wolfenstein e Call of Duty, UberSoldier II pode ser um prato cheio pra você, o game narra uma história que se passa durante a segunda guerra mundial, misturando um pouco de ficção com eventos históricos da segunda guerra mundial, após o soldado alemão Karl Stolz morrer e ser ressucitado por membros da resistência alemã (que também alteraram a sua lealdade, não me pergunte como), ele passa a ganhar poderes especiais e é eleito para combater a invasão nazista, ao derrotar seu maior inimigo (tudo isso no primeiro game) ele acha que está tudo acabado. Porém nesse game ele descobre que os nazistas estão perdendo a guerra e logo entrarão em colapso, porém ele também descobre que após a morte de Hitler e a rendição do exército alemão, ''alguém'' está secretamente trabalhando nas montanhas do Tibet junto com os nazistas que sobraram (???) para lançar um contra ataque devastador (???). Sim a história não faz sentido nenhum e é completamente desorganizada e previsível, mas por 1,99 R$ (na promoção) o que mais eu poderia querer?

Prós:

- Gráficos belíssimos, engine muito leve, rodando em qualquer computador mediano de hoje em dia
- A arte do game (os desenhos que aparecem no começo ou no final de tal level) é muito bem desenhada, parecendo uma revista em quadrinhos
- Habilidades divertidas (como invocar uma parede de energia, que congela as balas do inimigo, semelhante ao que ocorre em Matrix, podendo também jogar essas balas congeladas de volta), também a habilidade berserk (você fica invencível e pode matar todos os inimigos do cenário com uma faca) e a habilidade ''UberSniper'' (que você fica com munição infinita e acerta os tiros com muito mais precisão)
- É possível acumular XP no game, a cada final do level você pode ''upar'' sua saúde, precisão de tiro, fôlego e escudo de energia.
- 8 horas de gameplay, ou seja, o game não é cansativo, se você quiser zerar de uma só vez, se sentirá satisfeito no fim.
- Diversidade de inimigos, temos 2 modelos de soldados inimigos, 1 soldado ''titã'' (com uma super metralhadora e uma grande amardura), soldados com lança chamas, soldados femininos, 1 oficial da Gestapo (polícia alemã) e 2 soldados com metralhadora pesada.
- Inteligência artificial que funciona bem, os inimigos se escondem, armam emboscadas e podem cobrir uns aos outros enquanto avançam, você também possui aliados que lutam ao seu lado, muito semelhante a Call of Duty.
- Quando você dispara em um inimigo, as marcas da bala aparecem no corpo, muito semelhante o que ocorre em Far Cry 1 por exemplo, os inimigos foram todos feitos com muitos detalhes e com bastante cuidado.


Contras:

- A história não faz sentido nenhum, você basicamente vê o seu personagem e outra personagem mulher se insinuando um pro outro, um inimigo que se arrepende dos erros e te ajuda depois e um chefão misterioso que logo de cara o jogo já praticamente te conta quem é. Só vale pelas partes em história e quadrinho mesmo.
- 100% linear, entre numa sala, mate todo mundo, puxe uma alavanca, pegue o elevador, desça as escadas, derrote um mini-chefe, pegue bombas, exploda a porta, tudo a pé, essa é a fórmula do jogo, única parte diferente é o começo do game onde é uma perseguição.
- Por ser um game que mistura um pouco de ficção científica (super soldados, poderes especiais), é lamentável que não exista nenhum tipo de arma futurista, é bizarro ver super soldados ''robotizados'' segurando rifles de 1940
- Não existe multiplayer, o que você pode fazer é convidar um amigo e jogar por IP (deu saudades da internet discada?)
- Poucas armas, cerca de 2 pistolas, 2 rifles, 4 metralhadoras e 1 shotgun (que só aparece 1 vez no jogo), além de você só poder carregar 3 armas por vez, os inimigos só dropam munição de metralhadora comum, ou seja, se dessas 4 metralhadoras você pegar a mais exótica, é provável que você fique sem munição no meio de algum chefe, das armas especiais o lança chamas acaba sendo a arma mais inútil do jogo pois os inimigos que a usam são raros, a bazuca também você acaba usando raras vezes.
- O ''ironsight'' (quando você clica com o botão direito do mouse pra mirar) só funciona no rifle, enquanto todas as outras armas apenas dão um zoom, os produtores ficaram com preguiça de fazer?
- O game não tem ''continue'' no Menu e nem quando você morre! Não tem checkpoint, nada, você precisa salvar seu jogo na base do F5 toda hora, se morrer precisa voltar no menu e carregar na tela de ''load''
- Zerou acabou, não tem extras, absolutamente nada, só New Game e Options.
- Os chefes do jogo são bem simples, porém o último chefe não te dá a mínima noção do que precisa ser feito. Dica: Dispare nele com as metralhadoras pesadas, após isso atraia ele para os galões explosivos.

Finalizando, Uber 2 é um game que por 1,99 R$ compensa o gasto, porém não é nada mais do que algumas horas de diversão, se você está ocupado na vida e não tem tempo de jogar jogos complicados ou com história muito ampla, compre esse game (na promoção), ele será uma ótima maneira de descansar depois de um dia cansativo ou enquanto você espera algum download maior terminar, porém como eu falei, não espere nada além de um bom shooter genérico e divertido.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
8 de 13 pessoas (62%) acharam esta análise útil
Não recomendado
0.4 horas registradas
Publicada: 5 de dezembro de 2014
Mais bugado que battlefield
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
0 de 1 pessoas (0%) acharam esta análise útil
Recomendado
2.6 horas registradas
Publicada: 3 de outubro de 2014
O jogo é leve e bom; dou nota 7,50.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
0 de 5 pessoas (0%) acharam esta análise útil
Não recomendado
0.4 horas registradas
Publicada: 14 de agosto de 2014
ruim de mais n recomendo
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
642 de 834 pessoas (77%) acharam esta análise útil
49 pessoas acharam esta análise engraçada
Recomendado
8.9 horas registradas
Publicada: 17 de maio de 2014
I bought this in the name of inside gaming
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
189 de 227 pessoas (83%) acharam esta análise útil
14 pessoas acharam esta análise engraçada
Recomendado
9.6 horas registradas
Publicada: 2 de junho de 2014
I, like many people (I assume), first heard about this game from the guys at Inside Gaming. It looked interesting, I must admit, and when the price temporarily dropped down to $1.25, I knew I had to have it in my game library.

Well, one thing I can tell you now is that it IS definitely worth a buck and a fourth. This has got to be the worst game I have ever played. To start with, for an FPS, the gunplay is surprisingly terrible. The guns have no real presence and all of the sounds for them, from firing to reloading, are laughably stock. Each gun takes what feels like a year to reload (I'm sure you can see where that would get frustrating.) The graphics are extremely dated, even for a game that came out in 2008. It is also a Russian-made game. This in itself does not make it a bad game by any means, but it does mean that it has had to be redubbed. The voice-overs in this game are just unbearably atrocious. Everybody in it sounds uninterested in the current situation and when they should be yelling, they tend to do little more than talk in a high whisper. They are so bad that they make the acting in Just Cause 2 look like GTA V. The horrible voiceovers are not helped by the translated text, which so far has not had any spelling mistakes, but it is very convoluted to the point that you may need to reread certain sentences more than once.

The AI is something to be studied and talked about for many, many years in the future. Oftentimes I have seen enemy soldiers run into walls and not turn around. If they are not running into walls, they are throwing grenades at the ceiling and blowing themselves up. If they are not trying to commit suicide, they are making a beeline for you so they can continuously wack you in the face. To make combat a little more interesting, the developers have put a few "creative" features into the game. If you are taking too many bullets from all sides, you can put up your "UberShield", which will absorb incoming rounds and deflect them back at your enemies. It also, unfortunately, does not let you shoot back at them, as it collects your rounds and fires them when the shield runs out. In addition to this, there are the "UberSniper" and "Berzerker" modes, which make you immune to damage after 3 headshots and 3 knife kills, respectively. While all of these features may sound very interesting, they are not implemented into the game very well at all, and half of the time they just feel like a retread of other features from previous first person shooters.

The last thing I am going to talk about in this short essay of a review is the cutscenes. You remember cutscenes, don't you? The kind of ones that are either pre-rendered or made with the ingame engine? Well, if you don't like either of those, don't worry, Ubersoldier II has got you covered! Introducing the new and absolutely revolutionary comic-book cutscene! Watch as only 4 or 5 pictures are played continuously over bland dialogue. This has never been done in a game before, and I am sure that it is going to catch on with the AAA developers all over the world. (In all seriousness, the 4 or 5 pictures that they use in their cutscenes look hand-drawn, which at least took somebody some effort to make. Occasionally, they are drawn quite well, but not too often.)

It may sound like I am taking the ♥♥♥♥ out of this game. It might not deserve it, but oh boy is it such an easy target. It is definitely one of the worst games I can think of that came out in the last decade, something on par with Ride to Hell: Retribution. There are a couple of major differences between these games, though. Ubersoldier II has got plenty of soul, and a hell of a lot of heart, while Ride to Hell is as cruel and heartless as the Devil himself. When I play Ubersoldier, I at least get the sense that there was a team of people actually TRYING to make a good game. You know what, I think they actually might have succeeded.


In short: Is this a fun game?

Hell yes!
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
89 de 112 pessoas (79%) acharam esta análise útil
2 pessoas acharam esta análise engraçada
Recomendado
6.1 horas registradas
Publicada: 6 de abril de 2014
Old-school FPS fun pretty much sums this game up. The voice acting/dialogue is a little cringe worthy, but that kind of adds to the appeal personally. Visually it looks pretty good, even today. Is it "OHmahGAWD CRYISISIS 3 maxxed" good? No. But that doesn't matter, especially for a game that's 8 years old. Bottom line; the game's fun and it's only $10.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
311 de 473 pessoas (66%) acharam esta análise útil
10 pessoas acharam esta análise engraçada
Recomendado
0.5 horas registradas
Publicada: 18 de maio de 2014
inside gaming played it 10/10
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
133 de 206 pessoas (65%) acharam esta análise útil
5 pessoas acharam esta análise engraçada
Recomendado
1.8 horas registradas
Publicada: 20 de maio de 2014
So bad it's good.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada
55 de 78 pessoas (71%) acharam esta análise útil
42 pessoas acharam esta análise engraçada
Recomendado
0.3 horas registradas
Publicada: 14 de janeiro
At least it's not another damn early-access open world survival mmo.
Você achou esta análise útil? Sim Não Engraçada